DENTRO E FORA DA TERCEIRA MARGEM: NA MARGEM DO SILÊNCIO

Murilo Cavalcante Alves

Resumo


O artigo propõe uma leitura do conto A Terceira Margem do Rio, de Guimarães Rosa, sob o ponto de vista do insólito, confluindo com a perspectiva aventada por Suzy Sperber (1976), em Caos e Cosmos, que inclui o escritor no chamado esoterismo paulista, ao amalgamar elementos filosóficos, religiosos e metafísico-esotéricos a uma linguagem literária. o autor, ao realizar literatura de expressiva qualidade estética, reflete sobre questões cruciais da transcendência humana.

 


Palavras-chave


conto; esoterismo; estética do silêncio; Guimarães Rosa; insólito

Texto completo:

PDF HTML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2019 Murilo Cavalcante Alves

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.