A ponderação resiliente no discurso da personagem “Hamlet”, de William Shakespeare, como elemento disruptor da ação dramática

Jair Pereira Oliveira

Resumo


O trabalho objetiva discutir de que forma a ação dramática da personagem “Hamlet”, de William Shakespeare, realiza-se no momento em que ela pondera sobre as possibilidades de agir-no-mundo. Essa ponderação se torna o elemento que transforma suas ações diante do mundo. Sendo assim, teremos como base de discussão a crítica feita por Harold Bloom sobre a tragédia. Além disso, discutiremos os princípios de resiliência, como força de intervenção reflexiva diante dos traumas existentes no sujeito “Hamlet”.


Palavras-chave


Personagem; resiliência; reflexão

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2022 Jair Pereira Oliveira

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.