ALLAN KAPROW: O HAPPENING E A ÉTICA DO CORPO

Desirée Pessoa

Resumo


Ao analisar a obra de Allan Kaprow (1927-2006), podemos perceber uma edificação ética vinculada à sua criação artística. Ao pensar nas conexões, contrastes e agenciamentos entre arte e vida e criar a partir deste entendimento, o artista necessariamente nos convida a elaborarmos nossas próprias conjecturas sobre o encontro destas duas noções, a de arte e a de vida. Tal forma de se relacionar com a criação que desenvolve é, por si só, uma tomada de atitude determinada por um senso de que ética e estética não se separam.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Desirée Pessoa