O procedimento da criação: imanência e produção de diferença em Gilles Deleuze e Félix Guattari.

Diego Marques Cavalacante

Resumo


O propósito desse artigo é construir um percurso conceitual para pensar um possível caminho para investigar procedimentos de criação em Gilles Deleuze e Félix Guattari. Para isso, serão destacadas as relações entre os conceitos de agenciamento, máquina abstrata e atualização. Essas relações têm o propósito de ir na direção das seguintes questões sobre a criação: Qual o contexto? Quais os aliados da criação? O que é criado?


Palavras-chave


Gilles Deleuze, Félix Guattari, imanência, criação

Texto completo:

PDF

Referências


CARVALHO, Jair Dias. A imanência, apresentação de um roteiro de estudos sobre Gilles Deleuze. Revista Trans/Form/Ação vol.28 no.1 Marília, 2005.

DELEUZE, Gilles. Conversações. Tradução de Peter Pál Pelbart. São Paulo. Editora 34, 1992.

___. Espinosa. Filosofia prática. Tradução de Daniel Lins e Fabien Pascal Lins. São Paulo. Escuta, 2002.

___. Proust e os signos. Tradução de Antonio Carlos Piquet e Roberto Machado. Rio de Janeiro. Forense Universitária, 2003.

___. Foucault. Tradução de Claudia Sant´Ana Martins. São Paulo. Brasiliense, 2005.

___. A Ilha Deserta. Luís B.L Orlandi. São Paulo. Iluminuras, 2006.

___. Diferença e repetição. Tradução de Luís Orlandi e Roberto Machado. São Paulo. Graal, 2009.

DELEUZE, Gilles & GUATTARI, Felix. Mil Platôs. Capitalismo e Esquizofrenia.vol.01 Tradução de Aurélio Guerra e Célia Pinto Costa. Vol. 01. Rio de Janeiro. Editora 34.1995.

___.Mil Platôs: Capitalismo e esquizofrenia. Vol. 02. Tradução de Ana Lúcia de Oliveira e Lúcia Cláudia Leão. São Paulo. Editora 34. 1995.

___ .Mil Platôs: capitalismo e esquizofrenia, vol.04. Tradução de Suely Rolnik. São Paulo. Editora 34,2007.

___.Mil Platôs. Capitalismo e Esquizofrenia. Vol. 05. Tradução de Peter Pál Pelbart e Janice Caiafa. São Paulo. Editora 34, 2005.

___. O que é filosofia? Tradução de Bento Prado Jr e Alberto Alonso Muñoz. São Paulo, Editora 34, 2010.

__.O Anti-Édipo. Capitalismo e esquizofrenia. Tradução de Luiz B. L. Orlandi. São Paulo. Editora 34, 2011.

___.Kafka. Por uma literatura menor. Tradução de Cíntia Vieira da Silva. Belo Horizonte. Autêntica Editora, 2014.

DELEUZE, Gilles & PARTNET, Claire. Diálogos. Tradução de José Gabriel Cunha. Lisboa. Relógio d`água,1996.

FOUCAULT, Michel. Vigiar e Punir: nascimento da prisão. Tradução de Raquel Ramalhete. Petrópolis: Vozes, 1987.

GUATTARI, Félix & ROLNIK, Suely. Micropolítica. Cartografias do desejo. Petrópolis. Editora Vozes.2005.

MACHADO, Roberto. Deleuze, a arte e a filosofia. Rio de Janeiro. Zaar, 2009.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Diego Marques Cavalacante