Visões Cariocas e Bogotanas sobre o Espaço Público: uma Análise Comparada da Representação sobre Espaço Público dos Prefeitos de Bogotá e do Rio de Janeiro na Década de 1990

Ana Marcela Ardila

Resumo


O propósito de nosso trabalho é compreender algumas continuidades e
descontinuidades nas formas de representação do conceito de espaço público construídas pelos agentes locais de Bogotá e do Rio de Janeiro. Especificamente, procuramos salientar as visões dos prefeitos cariocas e bogotanos que promoveram, a partir da década de 1990, o espaço público nas agendas públicas locais. Na visão desses agentes políticos especializados, o espaço público atingiu um papel central na definição da problemática e das soluções para essas cidades. Porém, existem diferenças importantes em relação às ideias de ordem e desordem nesse espaço, atribuindo um caráter e uma identidade própria às visões urbanas.


Palavras-chave


espaço público, representações urbanas, pesquisa comparada, política pública urbana, Bogotá, Rio de Janeiro

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36403/espacoaberto.2011.2063

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2011 Ana Marcela Ardila

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

ISSN: 2237-3071