Os Circuitos da Economia e as Desigualdades Sociais em Mocuba: uma Abordagem Espacial e Escalar

João Carlos Mendes Lima

Resumo


Um olhar dos espaços urbanos de Moçambique nos remete a uma investigação sobre as razões que podem influenciar as desigualdades nas formas de ocupação de solos urbanos nas cidades moçambicanas e as desigualdades sociais a elas adstritas. Este artigo tem como pressuposto pensar as relações sociais na sua dimensão espacial que influenciam as desigualdades espaciais no município de Mocuba, a segunda maior cidade da província da Zambézia. Conclui-se que a ocupação do espaço, em Mocuba, resulta da práxis das comunidades locais na sua interação com a natureza e a experiência histórica por elas vivenciadas até a atualidade, mas que tem forte influência do capital. Além disso, no município de Mocuba existe um espaço híbrido constituído pelo setor inferior e superior da economia, com as suas desigualdades que neste estudo foram abordadas a diferentes escalas.


Palavras-chave


Desigualdades Espaciais; Circuitos da Economia; Escala.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36403/espacoaberto.2015.3315

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 João Carlos Mendes Lima

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

ISSN: 2237-3071