A leitura heideggeriana da mudança no fundamento da verdade (alétheia) no Mito da Caverna de Platão

Alexandre Guedes

Resumo


Este artigo visa expor o que Heidegger identifica na Alegoria da Caverna de Platão como sendo a mudança no fundamento da essência da verdade, a qual deixa de ser considerada como desvelamento, passando a ser entendida como adequação ao que é iluminado pela Ideia. Segundo Heidegger, esta transição acaba por influenciar toda a tradição da metafísica, cuja atividade se restringiu à representação do ente em detrimento da verdade do Ser. Veremos que Heidegger, com isso, não pretender pôr um fim à questão em torno da alétheia, antes, a recoloca no mistério que na antiguidade se fazia presente no mito arcaico.


Palavras-chave


VERDADE; DESVELAMENTO; FUNDAMENTO; ADEQUAÇÃO; METAFÍSICA

Texto completo:

PDF

Referências


ARÊAS, James. A imagem arcaica da verdade e as vozes do delírio. In: Comum, v.10, nº 23, Rio de Janeiro, 2004, pp. 5-26.

CASANOVA. Marco. Compreender Heidegger. 3.ed. Rio de Janeiro: Vozes, 2012.

DUBOIS, Christian. Heidegger: introdução a uma leitura, trad. Bernardo Barros, Rio de Janeiro, Jorge Zahar Ed., 2004.

HEIDEGGER, Martin. La doctrine de Platon sur la vérité. In : Questions II, trad. André Préau, Gallimard, 1968.

__________________. A origem da obra de arte, trad. Idalina Azevedo e Manoel António, São Paulo, Edições 70, 2010.

__________________. Meu caminho para a fenomenologia. In: Sobre a questão do pensamento, trad. Ernildo Stein, Petrópolis, Rj, Vozes, 2009.

__________________. Que é metafísica? In: Conferências e Escritos Filosóficos/ Martin Heidegger, trad. Ernildo Stein, São Paulo, Abril Cultural, Col. Os Pensadores 2ª ed., 1983.

__________________. Ser e tempo, trad. Fausto Castilho, Rio de Janeiro. Ed. Vozes, 2012.

__________________. Introduccion a la metafísica, trad. Angela Ackermann, Barcelona, Ed. Gedisa, 4ª ed., 2001.

__________________. Os Conceitos Fundamentais da Metafísica: Mundo, Finitude e Solidão. Trad. Marco Casanova. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2º ed., 2015.

INWOOD, Michael. Truth and Untruth in Plato and Heidegger. In: Heidegger and Plato, Towards Dialogue, Edited by Catalin Partenie and Tom Rockmore, Northwestern University Press, USA, 2005.

________________. Dicionário Heidegger, trad. Luísa Buarque, Rio de Janeiro, Jorge Zahar Ed., 2002.

NUNES, Benedito. Heidegger & Ser e tempo, Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2002.

PAREDES, María. Amicus Plato magis amica veritas: Reading Heidegger in Plato's Cave. In: Heidegger and Plato, Towards Dialogue, Edited by Catalin Partenie and Tom Rockmore, Northwestern University Press, USA, 2005.

PASQUA, Hervé. Introdução à leitura do Ser e Tempo de Martin Heidegger, trad. Joana Chaves, Lisboa, Instituto Piaget, 1993. (Pensamento e Filosofia).

PEREIRA, Isidro S. J. Dicionário Grego -- Português e Português -Grego, Portugal, Ed.: Livraria Apostolado da Imprensa, 1998, 8ª ed.

PINHEIRO, Paulo. Sobre a noção de alétheia em Platão (a tradução heideggeriana) In: O que nos faz pensar, Nº 11, Rio de Janeiro, abril de 1997, pp. 45-64.

PLATÃO. A República, Trad. Carlos Alberto Nunes, 3ed. Belém, EDUFPA, 2000.

ROCKMORE, Tom. Heidegger's Uses of Plato and the History of Philosophy. In: Heidegger and Plato, Towards Dialogue, Edited by Catalin Partenie and Tom Rockmore, Northwestern University Press, USA, 2005.

ROSEN, Stanley. Remarks on Heidegger's Plato. In: Heidegger and Plato, Towards Dialogue, Edited by Catalin Partenie and Tom Rockmore, Northwestern University Press, USA, 2005.

SUVÁK. Vladislav. The Essence of Truth (aletheia) and the Western Tradition in the Thought of Heidegger and Patocka. In: Thinking Fundamentals, IWM Junior Visiting Fellows Conferences, Vol. 9: Vienna 2000.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Revista Ítaca - Periódico acadêmico administrado e editado por discentes de pós-graduação em Filosofia da Universidade Federal do Rio de Janeiro

ISSN (1519-9002 | 1679-6799) 

 

Última atualização: Agosto/2019

Last update: Agust/2019