Sobre a relação entre o religioso e o ético na teoria kierkegaadiana dos estádios

Jose da Cruz Lopes Marques

Resumo


A elevação feita por Kierkegaard do estádio religioso à mais autêntica modalidade de existência pode, inicialmente, ser entendida como um desprezo do filósofo de Copenhague em relação à dimensão ética, valendo-lhe epítetos como relativista e solipsista. Assim, o presente trabalho tenciona encontrar um ponto de equilíbrio entre os estádios ético e religioso conforme desenvolvidos pelo dinamarquês. Para tal, três conceitos fundamentais serão discutidos, a saber, a ideia de Suspensão teleológica da ética, a categoria de Indivíduo e o conceito de Amor ao próximo.

 


Palavras-chave


SALTO; FÉ; VERDADE; EXISTÊNCIA; RACIONALISMO.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Revista Ítaca - Periódico acadêmico administrado e editado por discentes de pós-graduação em Filosofia da Universidade Federal do Rio de Janeiro

ISSN (1519-9002 | 1679-6799) 

 

Última atualização: Agosto/2019

Last update: Agust/2019