FORMAÇÃO E ATUAÇÃO PROFISSIONAL NA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR

Rosa Malena de de Araújo Carvalho

Resumo


Indagando a formação e atuação profissional em educação física para o escolar, esse artigo traz apresentação realizada no Encontro Estadual do CBCE-RJ 2018 (Educação física no Estado do Rio de Janeiro: tensões e possibilidades). Os argumentos compuseram a mesa Formação e atuação profissional em educação física, com foco no escolar, em três aspectos: um panorama da situação institucional da formação em educação física no Estado do Rio de Janeiro; as concepções de corpo, conhecimento e escola que vêm atingindo esse campo de atuação, com impactos da educação em geral (destacando o movimento “escola sem partido”) e; possibilidades e proposições para essas questões, através do processo de retomada da secretaria do CBCE (Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte) no Rio de Janeiro. Dessas reflexões, a possibilidade de desenharmos uma secretaria em que a produção acadêmica e as ações conjuntas de seus associados possam torná-la de “interesse público”. Indicando, assim, uma atuação docente em que a formação contribua para a efetivação da educação como direito inalienável, promovendo a ampliação do acesso e da permanência na escola; em que o trabalho docente relacione corpo e práticas corporais com a criação/produção da vida em sociedade.


Palavras-chave


educação física escolar; formação docente; cultura corporal

Texto completo:

PDF

Referências


ARENDT, Hannah. La crisis en la educación. In __________Entre el pasado y el futuro – ocho ejercicios sobre la reflexión política. Espanha, Barcelona: Península, 1996, p. 185 - 208.

ARROYO, Miguel. Tensões na condição e no trabalho docente – tensões na formação. Niterói: Faculdade de Educação da UFF, Movimento Revista de Educação, 2015, p. 1-34.

CARVALHO, Rosa Malena (Org). Educação Física Escolar na Educação de Jovens e Adultos. Curitiba: Editora CRV Ltda, 2011.

____________________________. A cultura corporal como concepção que organiza a educação física e caracteriza o escolar. Revista Teias. PROPED/UERJ, v. 18, n. 49, 2017(abr/jun): Ensino de língua materna no ensino médio, p. 254-268.

CERTEAU, Michel. A Invenção do Cotidiano 1 – artes de fazer. 22ª ed. Petrópolis: Vozes, 2002.

COLETIVO DE AUTORES. Metodologia do Ensino da Educação Física. 2ª ed. 3ª reimpressão. São Paulo: Cortez, 2014.

DAOLIO, Jocimar. Da Cultura do Corpo. 13ª ed. Campinas: Papirus, 2010.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1971.

GALLO, Sílvio. Eu, o outro e tantos outros: educação, alteridade e filosofia da diferença. In: Anais do II Congresso Internacional Cotidiano: Diálogos sobre Diálogos. Rio de Janeiro: Universidade Federal Fluminense, Faculdade de Educação, 2008.

INEP/MEC. Censo Escolar da Educação Básica 2016: notas estatísticas. Ministério da Educação, Brasília – DF, 2017.

KOHAN, Walter. O mestre inventor – relatos de um viajante educador. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

LOPES, Alice. Teorias pós-críticas, política e currículo. Educação, Sociedade & Culturas, nº 39, 2013, 7-23.

MASSCHELEIN, Jan; SIMONS, Maarten. A pedagogia, a democracia, a escola. Belo Horizonte: Autêntica, 2014a.

____________________________________. Em defesa da escola – uma questão pública. 2ª ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2014b.

NAJMANOVICH, Denise. O Sujeito Encarnado – questões para pesquisa no/do cotidiano. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.

NEGRI, Antonio. Cinco lições sobre império. Rio de Janeiro: DP&A, 2003.

PENNA Fernando O ódio aos professores In AÇÃO EDUCATIVA Assessoria, Pesquisa e Informação (Org.). A ideologia do movimento Escola Sem Partido: 20 autores desmontam o discurso. São Paulo: Ação Educativa, 2016, p. 93 – 100.

RODRIGUES, José Carlos. O tabu do corpo. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2006.

SANTOS, Boaventura. A crítica da razão indolente. 3ª ed. São Paulo: Cortez, 2001.

SOARES, Carmen. Imagens da educação no corpo – estudo a partir da ginástica francesa do século XIX. 4ª ed. Campinas, SP: Autores Associados, 2013.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 1809-9556. Todos os direitos reservados a revista ARQUIVOS em MOVIMENTO e a seus Autores.