Terra e etnia: Os casos da Raposa/Serra do Sol e do Morro Seco

Melvina Araújo, Sabrina Almeida

Resumo


Neste artigo, pretendemos pensar a questão da ela­boração de identidades, sublinhando elementos que cruzam esse tipo de processo entre indígenas e remanescentes de quilombo no Brasil, por meio da análise de dois casos: Quilombo Morro Seco, em São Paulo, e Terra Indígena Raposa/Serra do Sol, em Roraima. Isso será feito no intuito de sublinhar a pre­sença de fatores para além da questão da criação de melhores condições de subsistência, pressupostos presentes em boa parte da literatura sobre o tema, particularmente aqueles que colocam a titulação de terras como objetivo primeiro das populações envol­vidas nesses tipos de movimentos identitários.

 

In the article Land and Ethnicity: Case Studies of Rapo­sa/Serra do Sol and Morro Seco, we intend to consider the issue of developing identities, underlining elements that undergo this kind of process among the indigenous and remaining quilombo communities in Brazil, through the analysis of two cases: Quilombo Morro Seco, in São Paulo, and Terra Indígena Raposa/Serra do Sol, in Roraima. This will be done in order to highlight the presence of fac­tors beyond the question of creating better conditions of subsistence, presuppositions found in a large part of the literature on the subject, especially in those that place land ownership as the primary objective of the populations in­volved in these kind of identity movements.

Keywords: quilombolas, indigenous people, identity, missionaries, catholicism


Palavras-chave


quilombolas, indígenas, identidade, missionários, catolicismo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Dilemas - Revista de Estudos de Conflito e Controle Social

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

               

APOIO: