O medo do retorno do medo: Um ponto de inflexão no programa das UPPs

Christina Vital da Cunha

Resumo


Este artigo objetiva refletir sobre o estabelecimento de um ponto de inflexão na cobertura midiática sobre as Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs). Essa transição evidenciaria uma mudança nos sentimentos e nas expectativas dos moradores do Rio de Janeiro com a política de segurança pública implantada no estado, apresentada pelas autoridades e divulgada na grande imprensa como a mais eficaz até então. A análise toma como objeto matérias dos jornais O Globo e Extra sobre as favelas da Coroa, Fallet e Fogueteiro, no Centro do Rio, entre janeiro de 2007 e outubro de 2011, e mostra como episódios de violência fizeram brotar o medo do retorno do medo.

 

The article The Fear of the Return of Fear: A Turn­ing Point in the UPP Program aims to reflect on the establishment of a turning point in the media coverage of the Pacification Police Units (UPPs). This transition would demonstrate a change in the feel­ings and expectations of Rio de Janeiro residents related to the public security policy implemented in the state, presented by the authorities and promoted in the mass media as the most effective to date. Ar­ticles published between January 2007 and October 2011 in the O Globo and Extra newspapers about the favelas of Coroa, Fallet and Fogueteiro in downtown Rio are analyzed, showing how episodes of violence brought about the fear of the return of fear.

Keywords: UPP, mass media, favelas, public security, asleep insecurity


Palavras-chave


UPPs, mídia, favelas, segurança pública, insegurança adormecida

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Dilemas - Revista de Estudos de Conflito e Controle Social

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

             

APOIO:    

SCImago Journal & Country Rank