guardando a morte

Thomaz Pereira

Resumo


Guardados em nós mesmos, aguardamos a volta do normal, lembrando do que foi, conscientes de que se não era bom, ao menos era nosso, ao menos éramos - primeira pessoa do plural. Aguardando, inventamos lembranças, memórias, histórias de um futuro que ainda não foi.


Palavras-chave


morte; espera, impotência

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.