A QUESTÃO DA AUSÊNCIA PATERNA NA ÉPICA HOMÉRICA: A IDADE ADULTA DE TELÊMACO E DIOMEDES

Autores

  • Alexandre Santos de Moraes Professor adjunto de História Antiga do Departamento de História e do Programa de Pós-graduação em História da Universidade Federal Fluminense.

DOI:

https://doi.org/10.26770/1413-5787_20-2_1

Palavras-chave:

Paternidade, poesia homérica, relações de parentesco, idade adulta.

Resumo

O artigo analisa a importância que a poesia homérica atribui à paternidade. Através da análise das representações de Diomedes e Telêmaco, observaremos o impacto da ausência paterna na transição da juventude para a idade adulta.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

2020-07-24

Como Citar

MORAES, Alexandre Santos de. A QUESTÃO DA AUSÊNCIA PATERNA NA ÉPICA HOMÉRICA: A IDADE ADULTA DE TELÊMACO E DIOMEDES. PHOÎNIX, [S. l.], v. 20, n. 2, p. 12–27, 2020. DOI: 10.26770/1413-5787_20-2_1. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/phoinix/article/view/33069. Acesso em: 13 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos