ALEXANDRE I, FILHO DE AMINTAS: A NARRATIVA HERODOTIANA E A ETNICIDADE MACEDÔNIA NAS GUERRAS GRECO-PÉRSICAS

Autores

  • Alexandre Santos de Moraes Professor adjunto do Departamento de História e do Programa de Pós-graduação em História da Universidade Federal Fluminense.
  • Mateus Mello Araujo da Silva Graduando em História pela Universidade Federal Fluminense. Membro do Núcleo de Estudos de Representações e de Imagens da Antiguidade (Nereida/UFF). Bolsista de Iniciação Científica/Pibic-CNPq.

DOI:

https://doi.org/10.26770/phoinix.v22nXX

Palavras-chave:

Heródoto, etnicidade, interdiscurso, tradição épica.

Resumo

No Livro VIII de Histórias, Heródoto relata a chacina dos emissários persas ocorrida no palácio do rei Amintas, da Macedônia. A questão da helenicidade dos macedônios foi objeto de inúmeras polêmicas no mundo antigo. Em nosso artigo, analisamos os recursos discursivos que o historiador utilizou para se associar aos esforços de helenização dos macedônios em meados do século V a.C.

Métricas

Carregando Métricas ...

Downloads

Publicado

2020-07-24

Como Citar

MORAES, Alexandre Santos de; SILVA, Mateus Mello Araujo da. ALEXANDRE I, FILHO DE AMINTAS: A NARRATIVA HERODOTIANA E A ETNICIDADE MACEDÔNIA NAS GUERRAS GRECO-PÉRSICAS. PHOÎNIX, [S. l.], v. 22, n. 2, p. 29–42, 2020. DOI: 10.26770/phoinix.v22nXX. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/phoinix/article/view/32990. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos