Intervenções terapêuticas ocupacionais com pacientes renais crônicos no contexto hospitalar: uma análise da prática/ Occupational therapeutic interventions with chronic renal patients in the hospital context: a practice analysis

Kátia Maki Omura, Camila de Nazaré Alencar, Silvania Morais Cavalcante, Maria do Socorro Pena Marques, Camilla Ferreira Campos

Resumo


O presente estudo tem como objetivo analisar a prática de estudantes na clínica de nefrologia de um hospital público. Durante o estágio, foram atendidos 8 pacientes. Avaliaram-se componentes de equilíbrio e força, além dos aspectos relacionados ao desempenho das atividades de vida diária e os aspectos emocionais. Posteriormente, foram traçados os planos terapêuticos e nas intervenções foram utilizadas atividades auto-expressivas, motoras e sensoriais e planejamento de um novo papel ocupacional. Conclui-se que foi possível evidenciar a importância do trabalho do terapeuta ocupacional na nefrologia, com melhorias nos componentes de desempenho, aumentando a independência na locomoção e nas atividades de autocuidado.

 

Abstract

The present report aims to analyze the practice of students in the nephrology clinic of a public hospital. During the internship, 8 patients were attended. It was evaluated components of balance and strength, as well as aspects related to the performance of daily life activities and emotional aspects. Subsequently, the therapeutic plans were drawn and in interventions were used expressive, motor and sensorial activities and planning of a new occupational role. It was concluded that it was possible to highlight the importance of the occupational therapist work in nephrology, with improvements in performance components, increasing independence in locomotion and self-care activities.

Keywords: Hospital; Chronic renal insufficiency; Occupational therapy.

 


Palavras-chave


Hospital; Insuficiência renal crônica; Terapia ocupacional.

Texto completo:

PDF

Referências


Scliar M. História do conceito de saúde. Rev. Saúde Coletiva. 2007; 17(1):29-41.

Pinho NA, Silva GV, Pierin AMG. Prevalência e fatores associados à doença renal crônica em pacientes internados em um hospital universitário na cidade de São Paulo. J. Bras. Nefrol. 2015; 37 (1): 91-97.

Brasil Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Especializada e Temática. Diretrizes Clínicas para o Cuidado ao paciente com Doença Renal Crônica -- DRC no Sistema Único de Saúde/ Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Especializada e Temática. -- Brasília: Ministério da Saúde, 2014.

Rudnicki T. Doença renal crônica: vivência do paciente em tratamento de hemodiálise. Rev. Cont. clin. 2014; 7 (1): 106-116.

Terra FS, Costa AMDD, Figueiredo ET, Morais AM, Costa MD, Costa RD, et al. As principais complicações apresentadas pelos pacientes renais crônicos durante as sessões de hemodiálise. Rev. Bras. Clin. med. 2010, 8 (3): 192-2010.

Roxo NE, Barata RC. Relação diádica e qualidade de vida de pacientes com doença renal crônica. J Bras. Nefrol. 2015; 37 (3): 315-322.

Bezerra KV, Santos JLF. O cotidiano de pessoas com insuficiência renal crônica em tratamento hemodialítico. Rev. Lat.-Amer. Enf. 2008; 16 (4): 1-6.

Corrêa LB, Oliveira RN, Cantareli F, Cunha, L S A. Efeito do Treinamento Muscular Periférico na Capacidade Funcional e Qualidade de Vida nos Pacientes em Hemodiálise. J. Bras. Nefrol. 2009; 31 (1): 18-24.

Madalosso FD, Mariotti MC. Terapia Ocupacional e qualidade de vida de pessoas com insuficiência renal crônica em hemodiálise. Cad.Ter. Ocup. UFSCar. 2013; 21 (3): 511-520.

American Occupational Therapy Association- AOTA. Estrutura da prática da Terapia Ocupacional: domínio & processo -- traduzida. Rev. de Ter. Ocup.Univ. São Paulo, v. 26, n. 3, p. 1- 49, 2015.

Santi A, Mariotti MC, Cordeiro, JR. Lista de identificação de papéis ocupacionais em um centro de tratamento de hemodiálise: Contribuições para a intervenção de terapia ocupacional -- estudo piloto. Rev. Ter. Ocup. Univ. São Paulo. 2012; 23 (3): 289-96.

Pinto SCA, Pontes LM. Qualidade de vida de pacientes em tratamento hemodialítico: intervenção da terapia ocupacional. Rev. Ter. Ocup. Univ. São Paulo. 2017; 28 (1): 79-85.

Silva MC, Carvalho EM, Lima RD. Arteterapia Gestáltica e suas relações com o processo criativo. Rev. IGT. Rede. 2013; 10 (18): 18-36.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista Interinstitucional Brasileira de Terapia Ocupacional - REVISBRATO



Indexado em:

      

       

    Resultado de imagem para REDIB