Terapia Ocupacional e vigilância epidemiológica: monitoramento telefônico de pacientes confirmados com COVID-19 / Occupational Therapy and epidemiological surveillance: telephone monitoring of covid-19 confirmed patients

Carlos Roberto Monteiro de Vasconcelos Filho, Samara Cristina Lopes da Silva, Lorena Henriete Araujo Dias

Resumo


O artigo refere-se à atuação de dois terapeutas ocupacionais no departamento de vigilância epidemiológica de uma Secretaria Municipal de Saúde no Estado do Pará, durante a pandemia da COVID-19. Mediante ao contexto, instalou-se o monitoramento telefônico para atendimento à distância dos pacientes que testaram positivo para a COVID-19. Os terapeutas ocupacionais utilizaram tecnologia telefônica como recurso de cuidado visando a promoção e recuperação de saúde.

Palavras-chave: Terapia Ocupacional, I nfecções por Coronavírus, Consulta Remota, Sistema Único de Saúde (SUS) Interinstitutional Brazilian Journal of Occupational Therapy Artigo original

Abstract : The follow ing article explores the actuation of tw o occupational therapists in the epidemiological surveillance department of a Municipal Health Secretary in the State of Pará, during the COVID-19 pandemic. Upon this scenario, the Secretary installed a telephonic monitoring system as a distance service strategy to confirmed COVID-19 cases, where the occupational therapists used telephonic technology as resource in health promotion and recuperation of the affected by the disease, exploring telehealth strategies. Thus, this study shows adaptation of Occupational Therapy framework during the pandemic, enabling these professional’s capacity to suit strategies to deal with different realities.

Key Words: Occupational Therapy, Coronavirus I nfections, Remote Consultation, Unified Health System

Resumen: El artículo hace referencia al trabajo de dos terapeutas ocupacionales en el departamento de vigilancia epidemiologica de una Secretaría de Salud Municipal en el Estado de Pará, durante la pandemia de COVID-19. Através del contexto, se instaló un sistema de monitoreo telefónico para atender de forma remota los casos confirmados. Los terapeutas ocupacionales utilizaron la tecnología telefónica como recurso para promover y recuperar la salud de los afectados a través de la televigilancia. Así, fue evidenciada una forma de adaptar el trabajo de la Terapia Ocupacional frente a la pandemia, permitiendo a los profesionales adaptar estrategias frente a diferentes realidades.

Palabrasclave: Terapia Ocupacional, I nfecciones por Coronavirus, Consulta Remota, Sistema Único de Salud


Palavras-chave


Terapia Ocupacional; Infecções por Coronavírus; Consulta Remota

Texto completo:

PDF

Referências


Organização Mundial da Saúde. COVID 19: COVID-19: cronología de la actuación de la

OMS. Organização Mundial da Saúde [Internet]. 2020 [acesso em 2020 Maio 12]. Disponível em: https://www.who.int/es/news-room/detail/27-04-2020-who-timeline---covid-19.

Brasil. Senado Federal. Decreto Legislativo nº 6 de 20/03/2020. Reconhece, para os fins do art. 65 da Lei Complementar nº 101, de 4 de maio de 2000, a ocorrência do estado de calamidade pública, nos termos da solicitação do Presidente da República encaminhada por meio da Mensagem nº 93, de 18 de março de 2020. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF; 2020. [acesso em 25 jun. 2020]. Disponível em: https://

legis.senado.leg.br/norma/31993957.

Brasil. Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (Coffito). Resolução nº 516, de 20 de março de 2020. Dispõe sobre a suspensão temporária do Artigo 15, inciso II e Artigo 39 da Resolução COFFITO nº 424/2013 e Artigo 15, inciso II e Artigo 39 da Resolução COFFITO nº 425/2013 e estabelece outras providências durante o enfrentamento

da crise provocada pela Pandemia do COVID-19. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, DF; 2020. [Acesso em 29 abr. 2020]. Disponível em: https://www.coffito.gov.br/nsite/?p=15825.

Ministério da Saúde. Coronavírus Brasil [página da internet]. Painel Coronavírus [acesso

em 24 de jun 2020]. Disponível em: https://covid.saude.gov.br/.

Governo do Pará. Secretaria de Saúde Pública [página da internet]. Monitoramento COVID-19, 2020 [acesso em 24 de jun 2020]. Disponível em: https://www.covid19.pa.gov.br/#/

Ministério da Saúde [página da internet]. Coronavírus: COVID 19, 2020 [acesso em 12

mai. 2020]. Disponível em: https://coronavirus.saude.gov.br.

Brasil. Secretaria de Atenção Primária à Saúde. Protocolo de manejo clínico do corona

vírus (COVID-19) na atenção primária à saúde. Ministério da Saúde, Brasília, DF; 2020.

[acesso em 29 abr 2020]. Disponível em: http://189.28.128.100/dab/docs/portaldab/

documentos/20200422_ProtocoloManejo_ver08.pdf.

Melo WV de, Bianchi CS. Discutindo estratégias para a construção de questionários como

ferramenta de pesquisa. R. Bras. de Ensino de C&T. Curitiba, 2015 [acesso em 25 jun

; 8(3): 43-59. DOI: https://doi.org/10.3895/rbect.v8n3.1946

Veloso M, Jardim JB. Funcionalidade do paciente com doença pulmonar obstrutiva crônica e técnicas de conservação de energia. J. Bras. Pneumol. São Paulo, 2006 [acesso em

jun 2020]; 32(6): 580-586. DOI: https://doi.org/10.1590/S1806-37132006000600017

Zuardi AW. Características básicas do transtorno de ansiedade generalizada. Revista

de Medicina de Ribeirão Preto. Ribeirão Preto, 2015 [acesso em 25 jun. 2020] 50(1): 51-

DOI: https://doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v50isupl1.p51-55

Larson EA. The Orchestration of Occupation: The Dance of Mothers. American Journal

of Occupational Therapy, 2000 [acesso em 25 jun 2020] 54(3): 269–280. DOI: https://

doi.org/10.5014/ajot.54.3.269

Torres CH, Ilka AR, Roque Carolina FP. Monitoramento telefônico como estratégia educativa para o autocuidado das pessoas com diabetes na atenção primária. Cienc. Enferm,

Concepcion, 2013 [Acesso em 03 mai 2020]; 19(1): 95-105. Disponível em: https://

scielo.conicyt.cl/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0717-95532013000100009&lng=es.

Troncoso BC, Hernández RG, Rojas AC, Haensgen LI, Bunster UM. Experience of technology transfer from Telephone Counseling for Chronic Conditions to Primary Care Teams.

Enferm. glob. Murcia, 2012 [acesso em 04 mai 2020]; 11(27): 172-178. Disponível em:

http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1695-

&lng=es

Catapan SC, Calvo MCM. Teleconsulta: uma Revisão Integrativa da Interação MédicoPaciente Mediada pela Tecnologia. Revista Brasileira De Educação Médica, Brasília, 2020 [acesso em 25 jun 2020] 44(1): 1-13. DOI: https://doi.org/10.1590/1981-5271v44.1-20190224.

Züge CH, Oliveira MR, da Silva ALG; Fleig TCM. Entendendo a funcionalidade de pessoas acometidas pela Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) sob a perspectiva e a validação do Comprehensive ICF Core Set da Classificação Internacional de Funcionalidade. Cad. Bras. Ter. Ocup. São Paulo, 2019 [acesso em 22 abr 2020]; 27(1): 27-34. disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2526-89102019000100027&lng=en.

Velloso M, Jardim JR. Funcionalidade do paciente com doença pulmonar obstrutiva crônica e técnicas de conservação de energia. J. bras. pneumol. São Paulo, 2006 [acesso em 22 abr 2020]; 32 (6): 580-586. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S180637132006000600017&lng=en.

Brooks SK, Webster RK, Smith LE, Woodland L, Wessely S, Greenberg N. The psychological impact of quarantine and how to reduce it: rapid review of the evidence. The Lancet, Londres, 2020 [acesso em 22 abr 2020]; 395(1): 912-920. Disponível em: https://www.thelancet.com/action/showPdf?pii=S0140-6736%2820%2930460-8.

Coelho T, Bernardo A, Rocha N, Portugal P. Impacto da privação ocupacional no cotidiano de mulheres reclusas e na sua adaptação à reclusão. [Trabalho de Conclusão de Curso]. Porto: Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Instituto Politécnico do Porto;2010.

Kielhofner, G. Model of Human Occupation: Theory and Application. 3ª ed. Baltimore:Lippincott Williams & Wilkins; 2002.

Dabdah DF, Carvalho AMP, Delsim JC, Gomes BR, Miguel VS. Grupo de familiares acompanhantes de pacientes hospitalizados: estratégia de intervenção da Terapia Ocupacional em um hospital geral. Cad. Ter.Ocup. São Carlos, 2013 [acesso em 22 abr 2020];21(2): 399-404. Disponível em: http://www.cadernosdeterapiaocupacional.ufscar.br/index.php/cadernos/article/viewFile/826/451.




DOI: https://doi.org/10.47222/2526-3544.rbto34799

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Revista Interinstitucional Brasileira de Terapia Ocupacional - REVISBRATO



Indexado em:

   

           

   Resultado de imagem para REDIB