A paródia da notícia em “Desaparecimento de Luísa Porto”

Autores

  • Cesar Garcia Lima Universidade Federal do Rio de Janeiro

Palavras-chave:

Poesia, paródia, fait-divers, polifonia

Resumo

Resumo: Em sua poesia narrativa, Carlos Drummond de Andrade incorpora
os elementos de composição do fait-divers para construir perfis nos quais elabora a permanência da tragédia urbana, em contraste com o datado discurso jornalístico. Em “Desaparecimento de Luísa Porto”, de Novos Poemas (1948), analisado especificamente, o poeta compõe uma paródia polifônica influenciada pelas vanguardas europeias, que remonta também aos formalistas russos.

Abstract: In his narrative poetry, Carlos Drummond de Andrade incorporates the composition elements of fait-divers to construct profiles in which he elaborates the permanent urban tragedy in contrast to the ephemeral journalistic discourse. In “Disappearance of Luísa Porto”, from the book New Poems (1948), which is specifically analyzed in this article, the Brazilian poet not only composes a polyphonic parody under the influence of European avant--gardes, but also goes back to the Russian formalists.
Keywords: Poetry; parody; fait-divers; poliphony

Biografia do Autor

Cesar Garcia Lima, Universidade Federal do Rio de Janeiro


1 Cesar Garcia Lima é doutor em Literatura Comparada pela UERJ. Desenvolve atualmente
pesquisa de pós-doutorado em Literatura Brasileira na UFRJ a partir da autoficção
brasileira do século XXI. Poeta, publicou “Águas desnecessárias” (Nankin, 1997) e “Este
livro não é um objeto” (Edição do autor, 2006). Como documentarista, dirigiu “Soldados
da borracha” (2010) e “Onde minh'alma quer estar” (2015).

Downloads

Publicado

2018-05-21