Literatura Distópica e o Incentivo à Leitura

Autores

Palavras-chave:

Leitura, Educação, Ensino de literatura, Literatura contemporânea.

Resumo

O domínio da leitura, primeiro passo para a transformação plena do sujeito, é um grande desafio para educadores. No Ensino Médio, estende-se a leitura aos textos literários, que implicam decisões quanto à seleção das obras para estudo. O interesse dos alunos pelas obras canônicas, exigidas em processos seletivos para as universidades, muitas vezes se perde em razão de sua temática e linguagem, distantes da realidade deles. Textos literários contemporâneos devem integrar-se às aulas, por seu potencial para fomentar discussões e consolidar o gosto pela leitura. Nesse sentido, apresentamos uma proposta de estudo de Corpos Secos (2020), narrativa sobre a pandemia que assola o Brasil.

 

Biografia do Autor

Ana Claudia Jacinto de Mauro, Doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL) da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM).

Mestre e doutoranda em Letras pelo Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Analista editorial na Editora Mackenzie. 

Helena Bonito C. Pereira, Universidade Presbiteriana Mackenzie

Doutora e Mestra em Letras (Língua e Literatura Francesa) pela Universidade de São Paulo. Fez estágio pós-doutoral na Universidade da Califórnia em Riverside (2006) e foi professora visitante na Università degli Studi di Perugia, na Umbria, Itália (2018 e 2019). Professora Titular e docente permanente no Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie, tendo desempenhado, dentre outras, as funções de Pró-Reitora de Pós-Graduação e Pesquisa, Decano de Extensão e Coordenadora de Publicações Acadêmicas. 

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2020-11-02