ANOTAÇÕES SOBRE O ETERNO RETORNO: Para além do cristianismo

Victor Gonçalves

Resumo


Na experiência de pensamento desenvolvida neste texto procuraremos a) acompanhar o nascimento e o percurso da noção de Eterno Retorno na obra de Nietzsche, mostrando como entre 1881, data da sua emergência, e 1888 ele passa de uma grande esperança filosófica a uma espécie de ato falhado. a.1) Elaborar uma hermenêutica que distinga e articule o momento de 81 — Gaia Ciência e Fragmentos Póstumos da época —, do de Assim Falava Zaratustra e do pós 1884. b) Queremos também explicar a sua dimensão ética e cosmológica. b.1) Bem como a estratégia de diferimento de uma possível teoria do Eterno Retorno. c) Finalmente, tentaremos argumentar sobre como o Eterno Retorno serviu até 84-85 de peça de combate à teologia Cristã.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Victor Gonçalves