Diversidade das Espécies Arbóreas em Quintais de Várzea da Ilha Saracá, Limoeiro do Ajuru, Pará

Ellem Suane Ferreira-Alves, Breno Pinto Rayol

Resumo


O estudo objetivou avaliar a composição florística, riqueza e diversidade das espécies arbóreas em quintais agroflorestais localizados em áreas de várzea pertencentes a famílias ribeirinhas. Foram selecionados 15 quintais da Ilha Saracá, localizada no município de Limoeiro do Ajuru, Pará. Por meio de turnês guiadas foram coletados dados para compor o inventário botânico dos quintais com a catalogação e contagem de indivíduos das espécies. O índice de diversidade usado foi o de Shannon Wiener e o índice de Pielou para equabilidade. Foram realizadas análises dos parâmetros fitos-sociológicos (frequência e densidade). Foram amostrados 4300 indivíduos compreendendo 40 espécies distribuídas em 37 gêneros e 23 famílias botânicas, com destaque para Arecaceae, Fabaceae e Myrtaceae. A maior parte das espécies é espontânea e tem origem nativa. A espécie arbórea mais frequente e com maior densidade foi o açaí (Euterpe oleracea Mart.), sendo sua extração e comercialização a base da geração de renda local.


Palavras-chave


Espécies Arbóreas; Sistemas Agroflorestais; Ribeirinhos; Composição Florística

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.36403/espacoaberto.2021.39528

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Ellem Suane Ferreira-Alves, Breno Pinto Rayol

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

ISSN: 2237-3071