O Conceito de Linguagem em Nietzsche na obra "Escritos sobre Retórica"

Laura Elizia Haubert

Resumo


A obra “Escritos sobre Retórica” compõem um dos textos menos estudados pelos intérpretes de Friedrich Nietzsche. Isso ocorreu, boa parte, devido a condição do texto que não foi composto para ser publicado como as obras oficiais, mas que é antes uma reunião das notas que Nietzsche utilizava para dar aula durante sua estadia na Universidade da Basileia, não obstante essa condição, é uma das obras de maior auxílio para a compreensão do tema da linguagem no filósofo alemão. O presente artigo visa compreender estas notas a partir de uma exposição ampla de seu contexto de produção, seguindo para o problema qual o filósofo se dedicava, e por fim averiguar em específico o tema da linguagem e da metáfora e seus significados e conceitos nesta obra.

Palavra-Chave: Linguagem. Retórica. Metáfora. Tropos.


Palavras-chave


linguagem; epistemologia; retórica; nietzsche

Texto completo:

PDF

Referências


REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ABEL, Günter. Verdade e interpretação. Trad. Claudemir Luís Araldi. Cadernos Nietzsche. n. 12, São Paulo, 2002. [Grupo de estudos Nietzsche.]

BARRETTA, João Paulo F. O conceito de linguagem em Nietzsche e suas consequências. [Dissertação de Mestrado sob orientação do Prof. Dr. Mario Ariel González Porta, apresentada a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo]. São Paulo: PUC, 2001.

CLARK, Maudemarie. Nietzsche on truth and philosophy. Cambridge: Cambridge University Press, 1990.

CLOEREN, Hermann J. Language and thought: German approaches to analytic philosophy in the 18th and 19th centuries. Berlin/New York: de Gruyter, 1988.

CORBANEZI, Eder. Sobre a concepção relacional de linguagem em Nietzsche. Cad. Nietzsche. Vol.1, n..34, 2014.

CRAWFORD, Claudia. The beginnings of Nietzsche’s theory of language. [Monographien und Texte zur Nietzsche-Forschung]. Berlin/New York: de Gruyter, 1988.

DANTO, Arthur C.. Nietzsche as Philosopher: An Original Study. New. York: Macmillan, 1980.

DE MAN, Paul. Nietzsche’s theory of rhetoric. Symposium: a quartel jornal in modern literatures. 28:1, 33-51, 1974.

DENAT, Céline. “To speak in images”: the status of Rhetoric and Metaphor in Nietzsche’s new language. In: CONSTÂNCIO, João; MAYER BRANCO, Maria João. As the spider spins: essays on Nietzsche’s critique and use of language. Berlin/Boston: De Gruyter, 2012.

EMDEN, Christian J. Nietzsche on language, consciousness, and the body. University of

estudos sobre Nietzsche. V. 3, nº 2, pp. 39-60, 2010. Illinois Press: Urbana and Chicago, 2005.

FINK, Eugen. A filosofia de Nietzsche. Tradução de Joaquim Lourenço Duarte Peixoto. Editorial Presença, Lisboa, 1993.

GONZÁLEZ PORTA, Mario Ariel. A filosofia a partir de seus problemas: didática e metodologia do estudo filosófico. São Paulo: Edições Loyola, 2007.

KOPPERSCHMIDT, Josef. Nietzsche’s rhetorical philosophy as critique of impure reason. In: BABICH, Babette E.; COHEN, Robert S. (editors) Nietzsche, theories of knowledge, and critical theory. Boston Studies in the Philosophy of Science. Kluwer Academic Publishers, 1999.

LACOUE-LABARTHE, Philippe. The subject of philosophy. Translated by Thomas Trezise, Hugh J. Silverman, Gary M. Cole, Timothy D. Bent, Karen McPherson and Claudette Sartiliot. Minneapolis/London: University of Minnesota Press, 1993. [Theory and History of Literatura, vol. 83].

LOPES, Rogério Antonio. Elementos de retórica em Nietzsche. São Paulo: Edições Loyola, 2006.

MATTIOLI, William. Metáfora e ficcionalismo no jovem Niezsche. Revista Trágica: estudos sobre Nietzsche. V.3, n.2, 2010.

MOTA, Thiago. Agón, retórica e linguagem em Nietzsche. Fragmentos de Cultura, v.18, n.4, Goiás, 2008.

MURPHY, Tim. Nietzsche, metaphor, religion. Albany: SUNY – State Univeristy of New York Press, 2001.

NIETZSCHE, Friedrich. Escritos sobre retórica. Edición y traducción de Luis Enrique de Santiago Guervós. Madrid: Editorial Trotta, 2000.

PASCHOAL, Antonio Edmilson. A genealogia de Nietzsche. 2 ed. rev. Curitiba: Champagnat, 2005.

SALDÍVAR, Ramon. Figural language in the novel: the flowers of speech from Cervantes to Joyce. Princeton, New Jersey: Princeton University Press, 1984.

SANTIAGO GUERVÓS, Luis Enrique de. Introducción: el poder de la palabra: Nietzsche y la retórica. In: NIETZSCHE, Friedrich. Escritos Sobre Retórica. Edición y traducción de Luis Enrique de Santiago Guervós. Madrid: Editorial Trotta, 2000.

______. Physiology and language in Friedrich Neitzsche: “the guiding thread of the body”. In: CONSTÂNCIO, João; MAYER BRANCO, Maria João. As the spider spins: essays on Nietzsche’s critique and use of language. Berlin/Boston: De Gruyter, 2012.

SCHRIFT, Alan D. Language, metaphor, rhetoric: Nietzsche’s deconstruction of epistemology. Journal of the History of Philosophy, vol.23, n.3, pp.371-395, 1985.

STERN, J.P. Nietzsche and the Idea of Metaphor. In: PASLEY, Malcolm Nietzsche: imagery and thought, a collection of essays. Berkeley and Los Angeles: University of California Press, 1978.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Revista Ítaca - Periódico acadêmico administrado e editado por discentes de pós-graduação em Filosofia da Universidade Federal do Rio de Janeiro

ISSN (1519-9002 | 1679-6799) 

 

Última atualização: Agosto/2019

Last update: Agust/2019