Juízo e Ser

André Felipe Gonçalves Correia

Resumo


Datado do início de 1795, em Jena, o texto é um dos mais antigos dentre os documentos do idealismo alemão. À época, Hölderlin frequentava os cursos de Fichte, algo que o próprio escrito deixa claro nas menções à proposição fundamental (Grundsatz) da Wissenschaftslehre, a qual tenta-se ultrapassar via crítica da identidade (Identität). Em 1830, a biblioteca de Schocken de Jerusalém se apodera do texto, o qual só será publicado em 1961 por Friedrich Beissner, editor da obra completa de Hölderlin.


Texto completo:

PDF

Referências


HÖLDERLIN, Friedrich. Sämtliche Werke: Kleine Stuttgarter Ausgabe. Hrsg. von F. Beissner (ed.). Stuttgart Kohlhammer, 1958.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Revista Ítaca - Periódico acadêmico administrado e editado por discentes de pós-graduação em Filosofia da Universidade Federal do Rio de Janeiro

ISSN (1519-9002 | 1679-6799) 

 

Última atualização: Agosto/2019

Last update: Agust/2019