Violência no cárcere: A agressão moral em estabelecimentos prisionais do Distrito Federal

Carolina Barreto Lemos

Resumo


Este artigo é resultado de uma pesquisa etnográfica realizada por meio de entrevistas com mulheres e homens em situação de prisão no Distrito Federal, Brasil. Pretendo analisar as diferentes formas de violência vividas por essas pessoas dentro dos estabelecimentos prisionais da capital do país. Veremos que a agressão moral, traduzida pela percepção de desrespeito e desconsideração à dignidade, aparece como o cerne do sofrimento vivido por essas mulheres e homens. A análise das formas de tratamento dispensado a pessoas presas contribui para a reflexão sobre as diferentes dimensões da cidadania e concepções de igualdade no Brasil.

 

Jail Violence: Moral Aggression in Prison Establishments of the Federal District is the result of an ethnographic research with women and men incarcerated in the Federal District, Brazil. Its aim is to analyze the different forms of violence experienced by these people in the prison establishments of the Capital city, Brasília. We will see that moral aggression, translated as the perception of disrespect and denial of dignity, appears as the focal point of the distress experienced by these women and men. The analysis of the treatment received by imprisoned people contributes, moreover, to the study of the different dimensions of citizenship and conceptions of equality in Brazil.

Keywords: moral aggression, prison, citizenship, dignity, equality


Palavras-chave


agressão moral, prisão, cidadania, dignidade, igualdade

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Dilemas - Revista de Estudos de Conflito e Controle Social

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

      

APOIO: 

SCImago Journal & Country Rank