Parábola do cágado velho: uma perspectiva crítica através da história

Rejane Vecchia Rocha e Silva, Tatiane Reghini Mattos

Resumo


Este artigo buscará apresentar uma leitura do romance Parábola do cágado velho, do escritor angolano Pepetela, atentando para determinadas conjunturas históricas que parecem estruturantes da obra, bem como para a ideologia que insurge ao sistema político e econômico que envolve o país, aproximando-se, assim, das dimensões políticas e ideológicas que fizeram parte da literatura realizada no Brasil dos anos 1930.


Palavras-chave


literatura; Brasil; Angola; narrador; ideologia.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.35520/mulemba.2015.v7n13a5045

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Mulemba

Indexadores e bases bibliográfcias:
Periódicos Capes Latindex Diadorim EZB Google Acadêmico  DRJI  Livre Base  Sudoc Worldcat HNU  InfoGuide 


Licença Creative Commons
A Revista Mulemba utiliza uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.