A transgressão da cor: mulheres negras trabalhadoras & intelectuais no Brasil.

Cibele Silva Henriques

Resumo


O presente artigo é fruto de reflexões sobre o objeto de pesquisa da tese de doutorado que consiste na análise das expressões do racismo institucional no cotidiano profissional das assistentes sociais das universidades federais do Estado do Rio de Janeiro, as quais têm promovido lutas pelo direito ao trabalho sem caráter doméstico, sem discriminações de classe, gênero, raça e etnia. Enfim, a obtenção de recursos que as instrumentalizem na luta contra o racismo institucional, tão funcional ao sistema capitalista e estrutural nas relações sociais na sociedade brasileira

Palavras-chave: Mulheres Negras; Trabalho; Racismo Institucional  


Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2019 Revista Praia Vermelha

URL da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/deed.pt_BR