Travesti não tem perdão: A função da pena como justiça e vingança

Catarina Gordiano Paes Henriques, Daniela Moyses Gueiros, Manoela Pagotto Martins Nodari, Elisa Fabris de Oliveira

Resumo


Este artigo examina a função da pena na perspectiva da sociedade, tendo como base de análise a influência da mídia na consagração de ideias de violência e de punição, bem como dos estereótipos naturalizados em relação aos acusados e às vítimas nos julgamentos. As teorias da pena são o ponto de partida teórico para a análise comparativa de dois casos concretos apresentados pela imprensa de modos diferentes. Observa-se que a teoria da pena que mais se aproxima da opção social é a teoria retributiva. Alguns sujeitos confundem justiça e vingança, de modo a dar suporte simbólico para eliminar o medo objetivado que carregam.


Palavras-chave


teoria da pena, controle social formal, mídia, justiça social, vingança

Texto completo:

PDF XML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Dilemas - Revista de Estudos de Conflito e Controle Social

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

             

APOIO:    

SCImago Journal & Country Rank