Dispositivos de segurança e justiça de rua: Outras questões sobre assaltos, vigilantismos e linchamentos

Fabio Magalhães Candotti, Israel Pinheiro, Jander Batista Alves

Resumo


A partir de duas notas etnográficas sobre acontecimentos em Manaus, no Amazonas, o artigo propõe a problematização de agenciamentos coletivos contra pequenos roubos e furtos. Dialogando com estudos sobre gestão de ilegalismos e vigilantismo, a análise se afasta dos termos consagrados pelos estudos sobre linchamento no Brasil, sobretudo do conceito de justiça popular e da segmentaridade estadocêntrica que ele pressupõe. Os autores apontam para a importância da indiscernibilidade entre o estatal e o não estatal para o funcionamento de dispositivos de segurança e justiça de rua e para produção de um contínuo punitivo entre ruas e prisões.


Palavras-chave


segurança, justiça, assalto, dispositivos de poder, linchamento

Texto completo:

PDF XML

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Dilemas - Revista de Estudos de Conflito e Controle Social

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

             

APOIO:    

SCImago Journal & Country Rank