Das experiências de (des)qualificação das pessoas à precariedade dos laços entre os seres que habitam o mundo escolar

José Manuel Resende, Pedro Caetano, Bruno Dionísio

Resumo


Perante o desígnio político de uma escola inclusi­va e obrigatória para todos, os conflitos escolares e a precariedade dos laços entre atores educati­vos tornaram-se mais visíveis, mais numerosos e mais inquietantes. A pesquisa realizada em seis escolas portuguesas de ensino médio procurou compreender os juízos críticos e morais produ­zidos por esses atores diante de situações ex­perienciadas como injustas ou humilhantes. Por outro lado, exploraram-se as modalidades de ad­ministração dos conflitos e dos laços entre eles. O artigo discute, assim, os problemas da (con)vi­vência em meio escolar e os limites da cidadania democrática na escola contemporânea.

 

In light of the political proposal for inclusive and compulso­ry schooling for all, school conflicts and the precariousness of the bonds between educational actors have become more visible, numerous and disturbing. The article From the Experiences of People's (Dis)Qualification to the Precariousness of the Bonds between those who In­habit the School World describes a survey conducted in six Portuguese secondary schools aiming to understand the critical and moral thinking produced by educational figures in relation to experiences felt to be unjust or humili­ating. On the other hand, the forms of managing conflicts and bonds between actors are also explored. The article thus discusses problems confronted in school living and the limits of democratic citizenship in the contemporary school.

Keywords: school experience, injustice, humiliation, school conflicts, educational bonds


Palavras-chave


experiência escolar, injustiça, humilhação, conflitos escolares, laços educativos

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Dilemas - Revista de Estudos de Conflito e Controle Social

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

               

APOIO: