Comparando edições de ‘Senhora’, de José de Alencar: um exercício de Crítica Textual

Felipe Veras Andrade, Stephanne Martini Pastore

Resumo


De posse da edição crítica de Senhora, de José de Alencar, e de outras nove edições provenientes de diversas fontes - internet, biblioteca da Faculdade de Letras da UFRJ e de acervos pessoais -, foi feita uma análise comparativa apoiada nos conceitos expostos no livro Introdução à Crítica Textual, de César Nardelli Cambraia (2005). O trabalho, desenvolvido para a avaliação final da disciplina Introdução à Filologia do curso de Letras da UFRJ, em 2016.2, visou a tentar encontrar as diferenças entre as edições disponíveis para estudo, além de também tentar agrupá-las de acordo com suas possíveis edições de origem. Para tal, foi seguida a metodologia de Bassetto (2001): recensiocollatio codicum e estemática. Ainda foram levados em conta os elementos da crítica histórico-literária (BASSETTO, 2001): circunstância, unidade e integridade e linguagem do texto. Foram então observados erros de cópia em todos os volumes, erros estes que geram consequências gramaticais, semânticas, estilísticas e até mesmo históricas. Assim, o trabalho em questão também propõe discutir esses efeitos no momento de leitura e análise da obra.


Palavras-chave


Senhora. Crítica Textual. José de Alencar. Filologia. Erros

Texto completo:

PDF

Referências


ALENCAR, José de. Senhora: Perfil de Mulher. Rio de Janeiro: B. L. Garnier, 1875. 1 v.

ALENCAR, José de. Senhora: Perfil de Mulher. Rio de Janeiro: B. L. Garnier, 1875. 2 v.

ALENCAR, José de. Obra completa: romance urbano. Rio de Janeiro: Editora José Aguilar, 1958. 1 v.

ALENCAR, José de. Senhora: Perfil de Mulher. Rio de Janeiro: Editora Letras e Artes, 1964. 251 p.

ALENCAR, José de. Senhora. Rio de Janeiro: Tecnoprint Gráfica Editora, 1970. (Edições de Ouro) 297 p.

ALENCAR, José de. Senhora. In: Romances ilustrados de José de Alencar. 7 ed. Rio de Janeiro: J. Olympio; Brasília: INL, 1977. 7 v.

ALENCAR, José de. Senhora — edição crítica de José Carlos Garbuglio. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 1979. (Biblioteca Universitária de literatura brasileira: Série C; v. 2)

ALENCAR, José de. Senhora. 10 ed. São Paulo: Ática, 1980. (Série Bom Livro) 189 p.

ALENCAR, José de. Senhora. 35 ed. Rio de Janeiro: Ediouro, 1996. (Coleção Prestígio) 161 p.

ALENCAR, José de. Senhora. 34 ed. São Paulo: Ática, 2007. 215 p. (Série Bom Livro) 10 imp.

ALENCAR, José de. Senhora. São Paulo: Companhia das Letras, 2013. 202 p.

BASSETTO, Bruno. O trabalho Filológico. In: Elementos de filologia românica. São Paulo: EDUSP, 2001. 380 p.

BLECUA, Alberto. Manual de crítica textual. Madrid: Castalla, 1990.

CAMBRAIA, C. N. Introdução. In: Introdução à crítica textual. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

CAMBRAIA, C. N. A transmissão dos textos. In: Introdução à crítica textual. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

CAMBRAIA, C. N. Tipos de edição. In: Introdução à crítica textual. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

ROCHA LIMA, Raimundo Antonio. Crítica e literatura. 2 ed. Fortaleza: Assis Bezerra Editor, 1913. p. 67-82.

http://www.brasiliana.usp.br/handle/1918/00181310 — Arquivo digital: ALENCAR, José de. Senhora: Perfil de Mulher. Rio de Janeiro: B. L. Garnier, 1875. 1 v.

http://www.brasiliana.usp.br/handle/1918/00181320 — Arquivo digital: ALENCAR, José de. Senhora: Perfil de Mulher. Rio de Janeiro: B. L. Garnier, 1875. 2 v.




DOI: https://doi.org/10.24206/lh.v5i2.29067

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 LaborHistórico

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

LaborHistórico | ISSN 2359-6910

A Revista LaborHistórico da Universidade Federal do Rio de Janeiro está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.