Os processos educativos em dança e as práticas pedagógicas:

desalinhos entre Dança e Educação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.58786/rbed.2023.v1.n3.53947

Palavras-chave:

Dança, Educação, Pedagogização, Corpos dóceis.

Resumo

Este artigo pretende apresentar os resultados de uma cartografia da dança no contexto escolar. Objetiva-se problematizar as práticas pedagógicas no ensino de dança em três escolas públicas da rede municipal de Betim/MG nos anos iniciais do Ensino Fundamental, adotando como referencial principal as reflexões dos filósofos Michel Foucault (1998) e Gilles Deleuze (2007). O método cartográfico é utilizado por meio do diário de bordo com as experimentações de uma artista-docente-cartógrafa no período compreendido entre 2017 e 2019, bem como realiza-se a análise de um arquivo de periódicos acadêmicos com qualificação CAPES A1 e A2, nas áreas das Artes, da Educação e da Educação Física. Nessa cartografia foi possível identificar que o modo como se ensina dança corrobora para uma mecanização e uma pedagogização do ensino de dança e a formação de corpos dóceis.

Biografia do Autor

Alexandra Aparecida dos Santos Noronha, Universidade do Estado de Minas Gerais. Belo Horizonte, Brasil.

Mestre em Educação e Formação Humana pela FaE/UEMG, Especialista em Dança e Consciência Corporal, Psicopedagoga, Pedagoga pela Universidade Estácio de Sá, bailarina internacional e coreógrafa, membro do CID-UNESCO.

Fernando Luiz Zanetti, Universidade do Estado de Minas Gerais. Belo Horizonte, Brasil.

Doutor, mestre, bacharel, licenciado e possui formação em Psicologia pela Unesp de Assis e fez pós-doutorado na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo – FEUSP. Atualmente é Professor da Universidade Estadual de Minas - UEMG. 

 

Referências

AFONSO, Manuela dos Anjos. O lugar da arte na escola. Revista da Fundarte, Montenegro, n. 28, p. 1-14, 2014. Disponível em: https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/147. Acesso em: 20 jan. 2021.

BALDI, Neila Cristina; OLIVEIRA, Júlia Urach. Donata de; PATIAS, Isabela Teixeira. Procedimentos artístico-pedagógicos em dança a partir da decolonialidade e da autobiografia. Revista da Fundarte, Montenegro, v. 37, n. 37, p. 127-139, 2019. Disponível em: https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/636. Acesso em: 19 jan. 2021.

BARBOSA, Ana Mae; CUNHA, Fernanda Pereira da. A Abordagem Triangular no ensino das artes e culturas visuais. São Paulo: Cortez, 2010.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, DF: Ministério da Educação, 2017. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br. Acesso em: 3 set. 2020.

CORRÊA, Josiane Franken; SILVA, Iassanã Martins da; SANTOS, Vera Lúcia Bertoni dos. Concepções Pedagógicas no ensino de dança: apontamentos. Revista da Fundarte, Montenegro, a. 17, n. 34, p. 31-44, ago./dez. 2017. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/221058/001059030.pdf?sequence=1. Acesso em: 20 dez. 2020.

DELEUZE, G. Lógica da Sensação. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2007.

DELEUZE, Gilles.; GUATTARI, Félix. Mil Platos: Capitalismo e Esquizofrenia. Tradução: Aurelio Guerra Neto, Ana Lucia de Oliveira, Lucia Claudia Leao e Suely Rolnik. v. 3. Rio de Janeiro: Editora 34, 1996.

FALKEMBACH, Maria Fonseca. Perspectiva da educação somática no currículo do Ensino Básico: dança e relações de poder no corpo. Urdimento – Revista de Estudos em Artes Cênicas, Florianópolis, v. 1, n. 34, p. 129-143, 2019. Disponível em: https://www.revistas.udesc.br/index.php/urdimento/article/view/1414573101342019129. Acesso em: 13 set. 2020.

FIGUEIREDO, Valeria; PAIVA, Warla Giany. Reflexões sobre a disciplina de estágio curricular obrigatório I e II do curso de licenciatura em dança da UFG. Revista da Fundarte, Montenegro, v. 37, n. 37, p. 54-71, 2019. Disponível em: https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/667. Acesso em: 22 set. 2020.

FOUCAULT, M. Poder-Corpo. In: Microfísica do Poder. Rio de Janerio: Graal, 13. ed., 1998, p. 145-152.

FOUCAULT, Michel. O que é a Crítica? (Crítica e Aufklärung). In. Estratégias, poder-saber. Tradução: C. Galdino. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2003, p. 169-190. (Ditos e Escritos, VI)

FOUCAULT, Michel. Vigiar e punir: nascimento da prisão. Tradução: Lígia M. Ponte Vassallo. Petrópolis: Vozes, 2004.

FOUCAULT, Michel. Arqueologia do saber. Tradução: Luiz Felipe Baeta Neves. 7. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2008.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança: um reencontro com a pedagogia do oprimido. 8. ed. Rio de Janeiro: Editora Paz e Terra, 1992.

FREITAS, Roberto de. A. Dança na Educação Básica da rede pública municipal de ensino de Teresina/Piauí – uma realidade em crescimento. Revista da Fundarte, Montenegro, a. 19, n. 37, p. 298-315, jan./mar. 2019. Disponível em: https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/654. Acesso em: 30 mar. 2020.

LABAN, Ruldolf. Dança Educativa Moderna. Tradução: Maria da Conceição Parayba Campo. São Paulo: Ícone, 1990.

LEMOS, Cássio Fernandes; OLIVEIRA, Andréia Machado. Mapeamento, Processo, Conexões: a cartografia como metodologia de pesquisa. Paralelo 31, Pelotas, ed. 8, p. 41-52, jul. 2017. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/paralelo/article/view/13299. Acesso em: 8 nov. 2020.

MARQUES, Isabel. A. Ensino de dança hoje: texto e contextos. 6. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

MARQUES, Larissa Kelly Oliveira. O. Reflexões sobre o ensino de arte na escola e a atuação do professor: entradas pela dança. PÓS, Belo Horizonte, v. 8, n. 16, p. 26-43, nov. 2018. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistapos/article/view/15601. Acesso em: 30 abr. 2020.

NASCIMENTO, Djenifer Geske; AIRES, Daniel; BARBOZA, Mônica Corrêa. A Preço de Fábrica: proposição da Dança Contempop no contexto escolar. Revista da Fundarte, Montenegro, a. 19, n. 37, p. 222-241, jan./mar. 2019. Disponível em: http://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/650/pdf_12. Acesso em: 5 maio 2020.

NORONHA, Maria Maura de Oliveira; BESSA-OLIVEIRA, Marcos Antônio. Corpos roubados nos saberes do ensino de Arte. Revista da Fundarte, Montenegro, a. 19, n. 37, p. 417-437, jan./mar. 2019. Disponível em: em: https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/662. Acesso em: 15 fev. 2020.

PARISOTO, Bruno; PINTO, Aline Silva; LOPES, Sílvia da Silva. AVALI-AÇÃO: O professor de dança como avaliador de quê? Revista da Fundarte, Montenegro, a. 14, n. 27, p. 33-39, jan./jun. 2014. Disponível em: http://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/download/50/135

. Acesso em: 19 abr. 2020.

RAMOS, Tarcísio dos Santos. A aprendizagem mecânica e a dança: Tensões entre professor e aluno. PÓS, Belo Horizonte, v. 8, n. 16, p. 43-56, 2018. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistapos/article/view/15600. Acesso em: 30 abr. 2020.

RODRIGUES, Joice Soares.; LESSA, Helena Thofehrn. Jogo, brincadeira, presença: corpos lúdicos e expressivos em aulas de dança na escola. Revista da Fundarte, Montenegro, a. 20, n. 41, p. 1-18, abr./jun. 2020. Disponível em: https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/731 . Acesso em: 15 out. 2020.

SARDELICH, Maria Emília. Encontros com a arte em autobiografias de Licenciandas em Pedagogia. Revista da Fundarte, Montenegro, v. 39, n. 39, p. 69-88, 2019. Disponível em: https://seer.fundarte.rs.gov.br/index.php/RevistadaFundarte/article/view/672. Acesso em: 17 out. 2020.

STRAZZACAPPA, Márcia; MORANDI, Carla. Entre a arte e a docência: a formação do artista da dança. ed. 4. Campinas: Papirus, 2006.

SOUZA, Severino Ramos Lima; FRANCISCO, Ana Lúcia. O Método da Cartografia em Pesquisa Qualitativa: Estabelecendo Princípios... Desenhando Caminhos... Atas do 5° Congresso Ibero Americano em Investigação Qualitativa - Investigação Qualitativa em Saúde. Porto: 2016. v. 2. p. 811-820. Disponível em: https://proceedings.ciaiq.org/index.php/ciaiq2016/article/view/826/812 . Acesso em: 15 out. 2020.

VIEIRA, Alba Pedreira; BOND, Karen E. Experiências vividas em dança: arte e relacionamento corporificado. PÓS, Belo Horizonte, v. 7, n. 14, p. 129-149, nov. 2017. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistapos/article/view/15501. Acesso em: 3 out. 2021.

VIEIRA, Marcílio de Souza. Interfaces entre a dança, a educação infantil e a Base Nacional Comum Curricular (BNCC). PÓS, Belo Horizonte, v. 8, n. 16, p. 8-25, 2018. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/revistapos/article/view/15585. Acesso em: 5 maio 2021.

TREVISAN, Amarildo Luiz; ROSA, Geraldo Antônio da. Indústria cultural, biopolítica e educação. Pro-Posições, Campinas, v. 29, n. 3, p. 423-442, 2018. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8656429 . Acesso em: 20 jan. 2021.

ZANETTI, Fernando Luiz. O Encontro da Arte com a Educação: o papel do saber psicológico. Educação em Revista, Belo Horizonte, n. 34, p. 255-275, 2018. Disponível em: https://www.scielo.br/j/edur/a/MXgWjgFsqTDSGrvX9vVVDvv/?lang=pt. Acesso em: 20 maio 2020.

ZANETTI, Fernando Luiz. A emergência da cultura visual: alguns elementos da mutação do sujeito arte-educativo. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 37, p. 1-17, 2021. Disponível em: https://www.scielo.br/j/edur/a/8VJJVdynwDR8QSjn3qsTRHy/?lang=pt. Acesso em: 8 abr. 2022.

Publicado

2023-09-02 — Atualizado em 2024-05-09

Versões