Preste atenção às Funções Executivas na pesquisa em aquisição de linguagem: o engajamento de participantes infantis depende delas

Mayara de Sá Pinto, Aniela Improta França

Resumo


Nesse squib apresentamos um breve resumo sobre as Funções Executivas (FEs), um grupo de habilidades mentais que nos permitem identificar problemas, estabelecer metas e planos de ação em direção às soluções, e enfocamos no desenvolvimento delas nas crianças. Problematizamos os experimentos linguísticos que, por não apresentarem nenhum propósito ou bem-estar imediato pelo ponto de vista da criança-participante, certamente se tornam um obstáculo para mentes cujas FEs ainda não se desenvolveram. Como uma alternativa para mitigar esses problemas, propusemos que os experimentadores devam  considerar a qualidade e a validade ecológica dos experimentos, evitando assim grandes perdas de dados através da ludicidade e da repetição de tarefas especialmente nos experimentos on-line. Para ilustrar, relatamos alternativas de experimentos que envolvem tarefas role-playing, e que tiveram sucesso em FEs dos participantes, resultando em mínima perda de dados.

 

---

DOI: http://dx.doi.org/10.31513/linguistica.2018.v14n3a25509


Palavras-chave


funções executivas, participantes infantis, role-paying, aquisição de linguagem.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



A Revista Linguítica 

é membro das seguintes associações:

Abec CrossRef

 

e está indexada nas seguintes bases de dados/catálogos/diretórios: