Cartas e correspondência ordinária como ego-documentos na análise linguística

Sybille Große

Resumo


O artigo dá uma visão da análise linguística da escrita pessoal sob a perspectiva dos ‘ego-documentos'. Ele retraçade manera geral a evolução do conceito de ‘ego-documents' na pesquisa historiográfica holandesa e alemãe retoma a sua aplicação aos estudos da sociolinguística histórica. O artigo detalha também a importância da pesquisa linguística de cartas pessoais como ego-documentos e tematiza a transmissão dos conhecimentos discursivos e linguísticos nos manuais épistolográficos. Discutem-se por fim os resultados da análise linguística de cartas escritas em francês eem português brasileiro de escreventes pouco-letrados. 

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



A Revista Linguítica 

é membro das seguintes associações:

Abec CrossRef

 

e está indexada nas seguintes bases de dados/catálogos/diretórios: