Rodolpho Amoêdo e seu pensionato em Paris

Débora Poncio Soares

Resumo


No Salão de 1878, Rodolpho Amoêdo alcança o prêmio máximo da Academia Imperial de Belas Artes, o prêmio de viagem a Paris. Em 1879, Leoncio de Carvalho, Diretor interino da Academia Imperial de Belas Artes, escreve ao Ministério dos Negócios da Fazenda para discutir sobre o pensionato. Esta correspondência se encontra no Arquivo Histórico da Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro, assim como tantos outros documentos da Academia Imperial de Belas Artes.


Palavras-chave


Rodolpho Amoêdo. Século XIX. Pintura Brasileira. Academia Imperial de Belas Artes. Arquivo Histórico da Escola de Belas Artes. Museu Dom João VI. Filologia. Paleografia.

Texto completo:

PDF

Referências


CAVALCANTI, Ana Maria Tavares. Os Prêmios de Viagem da Academia em Pintura. In: PEREIRA, Sonia Gomes (Org.). 185 anos da Escola de Belas Artes. Rio de Janeiro: UFRJ, 2001/2002. p. 69-92.

CHEREM, Rosângela Miranda. Rodolfo Amoedo e as experimentações acadêmicas. XIII Encontro de História Anpuh – Rio: Identidades. Rio de Janeiro, 2008.

GOMES, Adryana Diniz. Rodolfo Amoedo e a Exposição de 1888. 19&20, Rio de Janeiro, v. VIII, n. 2, jul./dez. 2013. Disponível em: http://www.dezenovevinte.net/obras/amoedo_1888.htm.

GOMES, Tapajós. Rodolpho Amoêdo, mestres do nosso Museu. Correio da Manhã, suplemento de domingo. Rio de Janeiro, 23 de julho de 1939.

MIGLIACCIO, Luciano. Rodolfo Amoedo. O mestre, deveríamos acrescentar. 19&20, Rio de Janeiro, v. II, n. 2, abr. 2007. Disponível em: http://www.dezenovevinte.net/artistas/ra_migliaccio.htm.

ROSA, Márcia Valéria Teixeira. A Modernidade na obra de Amoêdo. XXIV Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. Rio de Janeiro, 2004.




DOI: https://doi.org/10.24206/lh.v6i2.40557

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Débora Poncio Soares

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

LaborHistórico | ISSN 2359-6910

A Revista LaborHistórico da Universidade Federal do Rio de Janeiro está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.