CICLOS: PROVOCAÇÕES POLÍTICAS E PEDAGÓGICAS NA ORGANIZAÇÃO DO TEMPO ESCOLAR

Andréa Rosana Fetzner

Resumo


Esta breve reflexão pretende fomentar um debate que está movimentando o espaço educacional no município do Rio de Janeiro: a implementação dos ciclos de formação no ensino fundamental de nove anos. Não proponho discutir questões específicas do processo municipal, porque isto exigiria estudos e informações específicas que não possuo. Minhas contribuições trazem alguns dados da conjuntura política e pedagógica da educação nacional que, acrescidos de uma pequena referência na história da educação pública no país, poderão colaborar com a problematização de algumas idéias em relação à escola, sua função social e a análise de sua qualidade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.20500/rce.v2i4.1518

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



         


RCE, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. ISSN 1809-5747

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.