Revistas

  • AbeÁfrica: Revista da Associação Brasileira de Estudos Africanos

    A AbeÁfrica: revista da Associação Brasileira de Estudos Africanos, ISSN 2596-0873, periódico semestral da Associação Brasileira de Estudos Africanos publica trabalhos inéditos desenvolvidos em torno dos Estudos Africanos em perspectiva interdisciplinar, envolvendo campos do conhecimento tais como a Antropologia, Ciência Política, Educação, Geografia, História, Literatura e Crítica Literária, Relações Internacionais, Sociologia e outros.

    [ A revista recebe submissões em fluxo contínuo ]

  • Aisthe

    Revista da linha de estética
    do Programa de Pós-graduação em Filosofia
    da Universidade Federal do Rio de Janeiro

  • Alea: Estudos Neolatinos

    Alea: Estudos Neolatinos, editada pelo Programa de Pós-Graduação em Letras Neolatinas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), é uma revista científica com periodicidade quadrimestral, sem fins lucrativos, de aceso aberto, que integra o grupo de revistas científicas brasileiras da Scientific Electronic Library Online - SciELO que aderiram o programa Ciência Aberta, avaliada com Qualis A1 pela CAPES e indexada em SciELO, em Scopus, em Web of Science, entre outros indexadores regionais como Latindex e Redalyc.

    Alea: Estudos Neolatinos tem como missão a divulgação de trabalhos de pesquisa originais, de alto impacto científico, provenientes das diversas áreas de produção de conhecimento relacionadas com a grande área de Letras, especificamente, com as Letras Neolatinas, nas áreas de concentração deLiteraturas Hispânicas,Literatura Italiana, Literaturas de Língua Francesa, eoutras literaturas em línguas neolatinas como Português, Romeno, Catalão;GalegoouProvençal, assim como Literaturas Neolatinas produzidas em contato cultural com outros universos linguísticos. Assim, a revista publica estudos críticos e historiográficos de cada universo cultural do âmbito neolatino e, ainda, estudos teóricos, estudos comparados, e estudos da tradução de interesse para a compreensão desse universo, aceitando trabalhos em português, espanhol, francês, italiano e inglês.

    Alea: Estudos Neolatinos só admite a submissão de trabalhos inéditos, em meio impressos ou eletrônicos, salvo aqueles disponibilizados como preprint no repositório SciELO, não sendo aceita submissão simultânea, para avaliação, em outro periódico.

    Todos os trabalhos adequados ao perfil da revista são submetidos ao processo de Análise de Pares, recebendo a avaliação de pelo menos dois consultores ad hoc (pareceristas), escolhidos entre especialistas da área.

    A abreviatura de seu título é Alea, que deve ser usada em bibliografias, notas de rodapé e em referências e legendas bibliográficas.

    Artigos em Ahead of print podem ser aqui acessados.

     
     
  • Anais de Filosofia Clássica

    Os Anais de Filosofia Clássica publicam semestralmente textos de filosofia clássica submetidos ao seu conselho editorial internacional e trabalhos selecionados apresentados nos seminários e simpósios do Laboratório OUSIA de Estudos Clássicos da UFRJ e seus parceiros.

    Os manuscritos são submetidos à avaliação cega de pares.

    Principal via de discussão filosófica e filológica do Laboratório OUSIA junto a centros de pesquisa em filosofia e filologia clássica de universidades em vários países, a revista visa integrar em sua linha editorial os rumos e resultados desta colaboração.

  • Analytica - Revista de Filosofia

    Analytica - Revista de Filosofia é um periódico semestral publicado sob a responsabilidade do Seminário Filosofia da Linguagem desde 1993 e voltado para a publicação de pesquisa original e de qualidade.

    Sua linha editorial não privilegia qualquer posição filosófica particular, desde que os textos reflitam uma compreensão de filosofia entendida como análise conceitual e argumentação.

    Inicialmente marcada pelo propósito de consolidar um vocabulário filosófico em língua portuguesa, a Analytica privilegiou textos escritos em nossa língua. Atualmente, considerando esse desiderato realizado, tendo em vista a ampliação quantitativa e qualitativa  da comunidade filosófica brasileira, os editores decidiram renovar suas prioridades e hoje a Analytica recebe e publica textos em português, em  inglês, em espanhol e em francês.

    A Revista está indexada, atualmente, no Philosopher´s Index (EUA). Suas políticas editoriais estão depositadas no Diretório de Políticas das Revistas Científicas Brasileiras (Diadorim) do IBICT e são conformes à Iniciativa de Acesso Aberto de Budapeste.

    Conceito QUALIS/CAPES periódicos: A2.

  • Anuário do Instituto de Geociências

    Universidade Federal do Rio de Janeiro

    O Anuário do Instituto de Geociências (ISSN 0101-9759) é um periódico do Instituto de Geociências (IGEO), Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza (CCMN), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), publicado desde 1977. O Anuário do Instituto de Geociências publica continuamente artigos inéditos, cobrindo todos os campos de atuação no âmbito das Ciências da Terra, tais como questões ambientais, antropológicas, geomorfológicas, geológicas, paleontológicas, meteorológicas e oceanográficas.

  • Arquivos Brasileiros de Psicologia

    ISSN Eletrônico 1809-5267 

    A missão da Arquivos Brasileiros de Psicologia foi sempre a de acolher e difundir a diversidade das produções científicas e profissionais da Psicologia e áreas afins, sejam elas teóricas, metodológicas ou empíricas. Permanece assim a abertura a contribuições de todas as áreas da Psicologia. "Promover a circulação do pensamento e da pesquisa no âmbito da Psicologia brasileira, além de contribuições internacionais", como consta nos números em circulação, se traduz no presente pelo reconhecimento das interfaces entre as áreas e com outras áreas de conhecimento, dos campos emergentes; das perspectivas críticas, das abordagens e estratégias voltadas para elementos culturais e sociais expressos na Psicologia contemporânea, muitas vezes em resposta às questões da sociedade.

  • Arquivos do Museu Nacional

    É o mais antigo periódico científico do Brasil (1876), com tiragem de 1000 exemplares, editada pelo Museu Nacional/ Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem por finalidade publicar artigos científicos inéditos nas áreas de Antropologia, Arqueologia, Botânica, Geologia, Paleontologia e Zoologia.

  • Arquivos em Movimento

    O periódico científico ARQUIVOS em MOVIMENTO é a revista eletrônica da Escola de Educação Física e Desportos da Universidade Federal do Rio de Janeiro, cujo objetivo é divulgar e fomentar a produção científica da área voltada à Educação Física, Esportes, Lazer e Dança, bem como as suas interfaces, nas diferentes vertentes, das humanas, sociais e biomédicas.

  • Ars Historica

    A Revista Ars Historica é uma publicação científica discente do Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPGHIS – UFRJ). Ela é online de acesso aberto (open access), de periodicidade semestral, avaliada como Qualis B1 (quadriênio 2017-2020) na área de História e áreas correlatas. A revista trabalha com avaliação por parecer duplo-cego (peer review) e submissão gratuita.

  • arte e ensaios

    A revista Arte & Ensaios é o periódico científico do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

    e-ISSN: 2448-3338

  • Boletim GeoÁfrica

    O Boletim GeoÁfrica é uma publicação trimestral produzida pelo Grupo de Estudos e Pesquisa Espaços e Sociedades na África Subsaariana e vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal do Rio de Janeiro. A revista publica contribuições sobre temáticas contemporâneas relativas à África subsaarina numa perspectiva transdisciplinar. O Boletim GeoÁfrica respeita o formato acadêmico tradicional, mas é igualmente aberto à contribuições (artistícas, por exemplo) que ultrapassem os muros da universidade.
  • Brazilian Journal of Experimental Design, Data Analysis and Inferential Statistics

    Our main goal is publishing scientific research, which can contribute to the theory and practices related to Experimental Design, Data Analysis, and Inferential Statistics. Besides that, BJEDIS is fully compromised to be a spreading tool of free knowledge.

  • Cadernos IPPUR

    Periódico direcionado ao público acadêmico interdisciplinar e editado entre 1986 e 2009 pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional - IPPUR/UFRJ. Todos os números que compõem a coleção do referido periódico encontram-se disponíveis para consulta e download.
  • CALÍOPE: Presença Clássica

    A Calíope: Presença Clássica é uma das mais tradicionais revistas de Letras Clássicas do Brasil. Fundada em 1984, tem abrigado, ao longo de seus 35 anos ininterruptos de existência, artigos científicos voltados à Antiguidade clássica, Medievo e Renascimento. De periodicidade semestral, utiliza a plataforma SEER de editoração de periódicos científicos e o sistema de avaliação cega entre pares, recebendo submissões em fluxo contínuo. Vincula-se ao Programa de Pós-Graduação em Letras Clássicas (PPGLC) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Encontra-se indexada em The Ancient World Online (AWOL) e Latindex. Em suas 36 edições, publicaram artigos importantes pesquisadores nacionais e internacionais. Atualmente, integram seu comitê científico: Alberto Pucheu (Universidade Federal do Rio de Janeiro), Alfred Dunshirn (Universität Wien), David Konstan (New York University), Edith Hall (King’s College London), Frederico Lourenço (Universidade de Coimbra), Gabriele Cornelli (UnB), Gian Biagio Conte (Scuola Normale Superiore di Pisa), Isabella Tardin (Unicamp), Jacyntho Lins Brandão (UFMG), Jean-Michel Carrié (EHESS), Maria de Fátima Sousa e Silva (Universidade de Coimbra), Martin Dinter (King’s College London), Pietro Bortone (University of Oxford), Victor Hugo Méndez Aguirre (Universidad Nacional Autónoma de México), Violaine Sebillote-Cuchet (Université Paris 1) e Zélia de Almeida Cardoso (USP). Seus editores responsáveis são Fábio Frohwein de Salles Moniz, professor de Língua e Literatura Latinas da UFRJ, e Rainer Guggenberger, professor de Língua e Literatura Gregas da UFRJ, coordenador do Programa de Pós-Graduação em Letras Clássicas da UFRJ.

  • CODEX - Revista de Estudos Clássicos

    Codex - Revista de Estudos Clássicos é um periódico semestral online (ISSN 2176-1779), com avaliação cega de pares, mantido pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e vinculado ao PROAERA - Programa de Estudos em Representações da Antiguidade e ao PIPGLA - Programa Interdisciplinar de Pós-Graduação em Linguística Aplicada. Criada em 2009, tem como missão oferecer aos interessados amplo mapeamento das pesquisas desenvolvidas na área de Estudos Clássicos, a partir da produção bibliográfica que delas se origina, de modo que os leitores possam acompanhar as pesquisas empreendidas por estudiosos que se dedicam a uma área de conhecimento que prospera largamente no Brasil. A Codex recebe submissões em fluxo contínuo para seus números atemáticos e submissões para seus números temáticos dentro de prazos anunciados em chamadas públicas, sem nenhuma cobrança de taxas. São acolhidos trabalhos inéditos de doutores, mas também de estudantes de pós-graduação em Filosofia Antiga, Letras Clássicas, História Antiga, Arqueologia e áreas afins; trabalhos de graduandos ou graduados são bem-vindos, desde que em coautoria com doutor, em situação de orientação científica.

  • Desenvolvimento em Debate

    Desenvolvimento em Debate é uma revista indexada de publicação periódica editada pelo Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Políticas Públicas, Estratégias e Desenvolvimento (INCT/PPED). A revista publica artigos originais de pesquisa, ensaios e resenhas relacionados com a temática do desenvolvimento socioeconômico. Ênfase é dada a trabalhos que analisam o papel do Estado e das instituições no desenvolvimento, políticas públicas setoriais e estratégias de desenvolvimento, o papel da geopolítica na dinâmica econômica e sustentabilidade ambiental, como também a pesquisas acerca de casos nacionais ou em perspectiva comparada, sobretudo de países da América Latina. Para tal fim, Desenvolvimento em Debate é publicada trêz vezes por ano e aceita trabalhos em português, espanhol e inglês. Os autores devem ter titulação mínima de mestre.

  • DESIDADES - Revista Científica da Infância, Adolescência e Juventude

    Desidades é uma revista eletrônica de divulgação científica na área da infância e juventude. É uma publicação quadrimestral, avaliada por pares, do Núcleo Interdisciplinar de Pesquisa e Intercâmbio para a Infância e Adolescência Contemporâneas -- NIPIAC, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, comprometida com a divulgação do conhecimento científico além dos muros da universidade.

  • Diadorim

    ISSN eletrônico 2675-1216
     
    Diadorim: revista de estudos linguísticos e literários é uma publicação do Programa de Pós-graduação em Letras Vernáculas da Universidade Federal do Rio de Janeiro. O seu objetivo é  divulgar as investigações linguísticas e literárias inéditas desenvolvidas por pesquisadores brasileiros e/ou estrangeiros.
  • Dilemas - Revista de Estudos de Conflito e Controle Social

    Publicação quadrimestral do Núcleo de Estudos da Cidadania, Conflito e Violência Urbana (Necvu) do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais (IFCS) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e do Programa de Pós-Graduação e Sociologia e Antropologia (PPGSA) do IFCS/UFRJ.

    A publicação foi criada em julho de 2008 por iniciativa dos profs. Michel Misse e Alexandre Werneck, do Núcleo de Estudos da Cidadania, Conflito e Violência Urbana da UFRJ. O periódico foi trimestral de 2008 até 2015. A partir de 2016 adotou-se a periodicidade quadrimestral, sendo publicados três números ao ano. N.1 (JAN/FEV/MAR/ABR); N.2 (MAI/JUN/JUL/AGO); N.3 (SET/OUT/NOV/DEZ). Além dos números regulares, DILEMAS também publica, quando considera conveniente, edições especiais temáticas, numeradas separadamente, mas que respeitam os mesmos critérios das edições regulares.

    DILEMAS visa publicar em fluxo contínuo contribuições científicas originais e inéditas, preferencialmente com base em pesquisa empírica, na forma de artigos, resenhas, traduções e entrevistas da área de ciências sociais (prioritariamente sociologia e antropologia). Tem como missão promover o desenvolvimento científico e o debate de ideias nos temas da área de estudos dos conflitos e do controle social em ciências sociais, como: comportamentos desviantes, violências, crime, moralidade, conflitos envolvendo movimentos sociais e ação coletiva, conflitos urbanos, justiça criminal, segurança pública, instituições públicas e privadas de controle social. O público alvo é constituído de leitores de nível universitário em geral, especialmente da área de ciências humanas e principalmente estudantes e especialistas nas áreas de criminologia, sociologias do crime, da violência, das instituições, de controle social; antropologias do direito, da violência e dos conflitos urbanos; e áreas afins.

    DILEMAS não se responsabiliza por opiniões, informações e/ou conceitos apresentados nos textos que publica. Estes são de total responsabilidade de seus autores. 

    DILEMAS está classificada como A4 no Qualis periódicos da Capes. 

     

    ISSN Eletrônico: 2178-2792. ISSN Impresso: 1983-5922

  • Revista de Economia Contemporânea

    A Revista de Economia Contemporânea (ISSN 1980-5527) é um periódico eletrônico de fluxo contínuo editado pelo Instituto de Economia da UFRJ.

    Sua missão é promover o debate e o diálogo entre as distintas correntes teórico-metodológicas hoje ativas na expansão da fronteira do conhecimento no campo da Economia, por meio da publicação de artigos acadêmicos originais e inéditos em temas variados da análise econômica, especialmente os que sejam relevantes para a economia do Brasil e da América Latina.

    ATENÇÃO: Esta página é exclusiva para acesso ao ACERVO da revista. Para submissões, visite o sistema Scielo Submission.

    =x=x=x=x=x=x=x=

    Fontes de Indexação:

    Qualis/CAPES - A2 Economia (2017-2021); EconlitAcademic Journals DatabaseROADSJRScopusBiblat.

    =x=x=x=x=x=x=x=

  • Revista de Estudos Urbanos e Regionais e-metropolis

    A Revista Eletrônica de Estudos Urbanos e Regionais foi criada em 2011 por iniciativa do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT) Observatório das Metrópoles. A e-metropolis é um periódico vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regional do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional (IPPUR) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

  • Enfoques

    A Revista Enfoques é a revista de discentes do Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia (PPGSA) do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais (IFCS) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). A revista, uma publicação semestral, vem, desde 2002, contribuindo para a divulgação de atividades de pesquisa de estudantes de pós-graduação, professores e pesquisadores na área das ciências sociais.

  • READ – Revista de Estudos Anarquistas e Decoloniais

    A Revista de Estudos Anarquistas e Decoloniais da UFRJ recebe contribuições em fluxo contínuo e está com chamada aberta para os próximos números.

    Interessa-nos principalmente publicar trabalhos com os seguintes temas: história do anarquismo; teoria e filosofia política anarquista e libertária; estudos sobre prisões e abolicionismo penal; revoltas, revoluções, ações diretas e insurgências populares, com especial ênfase para 2013 no Brasil e congêneres pelo mundo; sindicalismo revolucionário, anarcossindicalismo; história do inssurrecionalismo; movimentos sociais; papel dos trabalhadores e dos direitos trabalhistas; educação e pedagogia libertária; crítica do Estado, do capitalismo, das plutocracias, de todo tipo de autoridade; pesquisas sobre mídia e o papel exercido pelos oligopólios de comunicação de massa; propostas de organizações socialistas; de ajuda mútua, horizontais, autogestionária, federativa; estudos que denunciem as opressões/governanças sociais: racista, patriarcal, sexual, acadêmico-científica, religiosa, capitalista, oficialista, da estética-produtiva, xenofóbica, antropocêntrica; estudos socioambiental; sobre veganismo e suas relações; transgeneridade; cisnormatividade; territórios dissidentes e autônomos; pesquisas sobre a cultura popular insurgente e/ou contestadora; estudo sobre história dos povos principalmente oriundos da América Latina e África (indígenas e negros); história da resistência de indígenas e negros; estudos decoloniais e sobre o colonialismo; debates bibliográficos que critiquem os postulados liberais, fascistas, autoritários; todo tipo de estudo que tenha como lente o instrumental teórico anarquista ou libertário e colabore para a emancipação social e/ou para a crítica do status quo. A revista luta contra o epistemicídio e busca dar voz a estudos e pesquisas que colaborem para a igualdade e a liberdade.
  • Revista Estudos Libertários

    A Revista Estudos Libertários é uma iniciativa dos membros dos grupos de pesquisa OTAL (Observatório do Trabalho na América Latina) e CPDEL (Coletivo de Pesquisas Decoloniais e Libertárias) da UFRJ.

    O objetivo da Revista Estudos Libertários é preencher uma lacuna editorial brasileira, no que concerne à publicização de pesquisas academias críticas, tratando de temas tanto decoloniais como anarquistas no âmbito das Ciências Humanas: história das culturas e dos saberes negros e indígenas, resgate do comunalismo africano e das organizações sociais indígenas antes e após a colonização; perspectivas teóricas decoloniais; criticas aos princípios do colonialismo, da colonialidade/modernidade e do capitalismo; história do anarquismo; filosofias anarquistas e libertárias; estudos sobre prisões e abolicionismo penal; revoltas, revoluções, ações diretas e insurgências populares, com especial ênfase para 2013 no Brasil e congêneres pelo mundo; sindicalismo revolucionário, anarcossindicalismo; história do inssurrecionalismo; papel dos trabalhadores e dos direitos trabalhistas; educação e pedagogia libertária; crítica do Estado, do capitalismo, das plutocracias, de todo tipo de autoridade; pesquisas sobre mídia e o papel exercido pelos oligopólios de comunicação de massa; propostas de organizações socialistas, horizontais, autogestionárias, federativas; estudos que denunciem as opressões/governanças sociais: racista, patriarcal, sexual, acadêmico-científica, religiosa, capitalista, oficialista, da estética-produtiva, xenofóbica, antropocêntrica; estudos sobre veganismo e especismo; pesquisas sobre as opressões sobre as comunidades LGBTQIA+ e a busca pela libertação de suas opressões; pesquisas sobre a cultura popular insurgente e/ou contestadora; estudo sobre história dos povos principalmente oriundos da América Latina e África; todo tipo de estudo que tenha como lente o instrumental teórico anarquista, libertário e/ou decolonial e colabore para a emancipação social e/ou colabore para a crítica do status quo.

    Recebemos submissões em fluxo contínuo.

    Para mais informações, acessar a aba "Sobre".

     

  • Espaço Aberto

    É uma revista da Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal do Rio de Janeiro e se propõe a contribuir com o avanço do conhecimento geográfico ao divulgar resultados de pesquisas de cunho acadêmico produzidas no âmbito da Geografia e de outras ciências afins. Pretende ser um espaço de debate teórico e metodológico da diversidade de temáticas e abordagens da Geografia e de discussão de questões pertinentes à academia e à sociedade contemporânea. 
  • Fórum de Literatura Brasileira Contemporânea

    Esta revista se destina à veiculação de textos sobre a ficção e a poesia produzidas nos trópicos durante as últimas décadas.

    Democrática no próprio nome, mantém-se aberta do ponto de vista temático, recebe submissões em regime de fluxo contínuo e se divide em três seções: Ensaios, Entrevistas e Resenhas.

    Assim, pode comemorar a presença, nas páginas das muitas edições lançadas durante seus anos de existência, de centenas de ensaístas, ficcionistas e poetas conhecidos pela qualidade do trabalho que desenvolvem.

  • GAÎA

    A Revista GAÎA é um periódico discente que retorna com uma perspectiva diferente. Primeiramente, ela pretender abarcar as produções mais tradicionais de um periódico científico, com a publicação de artigos, resenhas e traduções de artigos específicos da área ou de documentos escritos. No entanto, sua grande novidade é o espaço que ela, a partir de então, abre para outras linguagens contemporâneas que são muito importantes para fomentar e divulgar os estudos sobre a Antiguidade, como relatos de projetos de extensão e de produtos de História Pública, modalidades do fazer histórico que vêm ganhando um espaço importante nas universidades como forma de divulgação e troca mais ampla de conhecimento entre centros mais tradicionais de produção científica e a sociedade; entrevistas com pesquisadores da área, que poderão trazer contribuições de especialistas de forma bastante direcionada e fora dos padrões mais rígidos de um artigo; análise de fontes, que será um espaço didático interessante no qual o discente poderá apresentar uma fonte e analisá-la, seja uma moeda, um texto, uma lápide, etc.; produtos de sala de aula, um espaço aberto para divulgação de atividades de ensino sobre a Antiguidade, visto que essa perspectiva traz contribuições ao intenso e necessário diálogo entre a pesquisa acadêmica e o saber didático; e, por último, a antiguidade e as ferramentas virtuais, um espaço importante de divulgação de sites, blogs, plataformas de pesquisa e aplicativos relacionados ao estudo da Antiguidade.

  • Garrafa

    A Revista Garrafa recebe textos teóricos das áreas de Teoria Literária, Literatura Comparada, Crítica Literária e Estudos Culturais, além de resenhas de obras contemporâneas e traduções. A Revista é publicada semestralmente online e dirigida, em princípio, a estudantes de pós-graduação em formação, mas também a pesquisadores, doutores.
  • Revista Indisciplina em Linguística Aplicada

    A Revista Indisciplina em Linguística Aplicada vinculada ao Programa Interdisciplinar de Pós-Graduação em Linguística Aplicada (PIPGLA) da UFRJ recebe artigos, ensaios e resenhas que versam sobre as diferentes áreas do conhecimento com o foco na investigação e na compreensão dos processos de uso da(s) linguagem(ns) e na construção de sentido, na compreensão da vida social contemporânea e nas ações linguísticas nela imbricadas. Propõe-se a agregar trabalhos teóricos e empíricos cuja abordagem epistemológica extrapola os limites teóricos e metodológicos de campos de conhecimento específicos a partir de diálogos indisciplinados que possam contribuir para a compreensão da linguagem na sociedade atual. A revista, assim, terá um escopo de interesse amplo, atraindo pesquisas de diversas áreas que têm produzido conhecimento relevante sobre a relação entre linguagem e sociedade. A proposta político-epistemológica da Revista Indisciplina forja-se na intersecção das viradas linguística, performativa, somática, espacial e afetiva que chamaram a atenção das ciências humanas e sociais para as múltiplas relações entre linguagem, corpo, espaço e história para se entender a cultura e a sociedade onde está inserida. Serão aceitos trabalhos que dialoguem com as três linhas de pesquisa do PIPGLA: Discurso e Letramentos, Discurso e Práticas Sociais e Discurso e Transculturalidade.  

  • InterFaces

    A Revista INTERFACES, ISSN eletrônico 2965-3606, é uma publicação interdisciplinar criada em 1995, no Centro de Letras e Artes da UFRJ. Os números são temáticos, com chamadas específicas, os demais ensaios serão recebidos em fluxo contínuo. Os artigos e as resenhas podem ser redigidos em português, italiano, francês ou espanhol.

    A edição da Revista INTERFACES foi impressa até 2018, número 28, volume I - janeiro - junho, sob o ISSN impresso 1516-0033.

  • Ítaca

    A revista Ítaca (Qualis B1) é uma publicação impressa (1519-9002) e eletrônica (1679-6799) que divulga a produção acadêmica de discentes de programas de pós-graduação.

    A revista Ítaca é um periódico acadêmico administrado e editado por discentes do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

    De caráter amplo e agregador, a revista Ítaca pretende ser um fórum de discussão sem restrições dadas por linhas de pesquisa, correntes de pensamento ou ideologias.

  • LaborHistórico

    LaborHistórico é uma revista semestral on-line do Programa de Pós-graduação em Letras Vernáculas (PPGLEV), da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Brasil. Tem como foco estudos desenvolvidos a partir de fontes escritas nos quais se destaque o labor do pesquisador diante de seu material de trabalho. Nessa temática, são bem-vindas contribuições de distintas áreas do saber, como Filologia (Crítica Textual), Linguística (sobretudo Linguística Histórica), Literatura, História e Paleografia.

    ISSN: 2359-6910

    Qualis (2017-2020): A3

  • Línguas & Ensino

    Revista do Projeto de Extensão CLAC (Cursos de línguas abertos à comunidade), da Faculdade de Letras, dedicada às questões pertinentes ao ensino de idiomas (língua materna ou adicional).
  • Linguagens Gráficas

    Revista interdisciplinar de comunicação visual da Universidade Federal do Rio de Janeiro / UFRJ

    Para acessar as edições, clique nos links do menu no alto da página: atual, para a edição corrente, ou anteriores, para edições passadas.

  • Revista Linguíʃtica

    A Revista Linguíʃtica é a publicação oficial do Programa de Pós-Graduação em Linguística da UFRJ. É uma publicação quadrimestral, publicada eletronicamente e que abre espaço para a publicação de artigos, resenhas e entrevistas originais em português e inglês, com o objetivo de promover o intercâmbio de ideias entre pesquisadores do Brasil e do exterior. A revista é organizada tematicamente, enfocando questões específicas relacionadas a uma das seis linhas de pesquisa em vigor: Estudos das Línguas Indígenas e Línguas Minorizadas, Gramática na Teoria Gerativa, Variação e Mudança Linguística, Modelos Funcionais Baseados no Uso, Linguagem, Mente e Cérebro e Linguística, Educação e Inovação. A cada dois anos, publica-se uma edição com tema livre.

  • Lugar Comum – Estudos de mídia, cultura e democracia

    A revista LUGAR COMUM [1415-8604] é vinculada ao Laboratório Território e Comunicação – LABTeC/UFRJ, conta com o apoio de professores e pesquisadores das redes Moitará e Universidade Nômade.

  • Revista Mangút: Conexões Gastronômicas

    Bem vindes!

    A Revista Mangút: Conexões Gastronômicas é um periódico científico eletrônico vinculado ao Departamento de Gastronomia do Instituto de Nutrição Josué de Castro (INJC) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) que busca fomentar a produção científica de qualidade no emergente campo da Gastronomia em diálogo com diferentes áreas do saber.

  • Medievalis

    A revista Medievalis, do Núcleo Interdisciplinar de Estudos em Literatura da Idade Média (NIELIM), uma publicação da Linha de Pesquisa Estudos Interdisciplinares da Antiguidade Clássica do Programa de Pós-Graduação em Letras Clássicas, da Universidade Federal do Rio de Janeiro tem por objetivo ser uma publicação acadêmica voltada para pesquisas ligadas ao medievo de forma interdisciplinar. Com periodicidade semestral e reunindo áreas como a Literatura, a História, a Filosofia, entre outras, busca-se um olhar múltiplo e enriquecedor que dialogue com ampla abrangência de pesquisadores e centros de pesquisa sobre a Antiguidade Clássica e a Idade Média.
  • Memórias Insurgentes

    A revista científica eletrônica Memórias Insurgentes busca estabelecer um espaço de diálogo e reflexão a partir da visibilidade de narrativas silenciadas sobre os povos indígenas na formação do Brasil. Privilegiando o aspecto biográfico, a revista pretende constituir um espaço de aprofundamento acerca da participação indígena na história nacional e na contemporaneidade, bem como fornecer subsídios importantes para a compreensão de como povos e comunidades indígenas chegaram a sua situação atual, recuperando lutas de personagens que foram decisivos para a definição de suas terras, seus direitos, suas línguas, identidades e projetos de futuro.

  • Militares e Política

    A revista Militares e Política é uma publicação Semestral do Laboratório de Estudos sobre os Militares na Política - LEMP/UFRJ
  • Metamorfoses - Revista de Estudos Literários Luso-Afro-Brasileiros

    A revista Metamorfoses tem por objetivo difundir as literaturas e culturas dos países de língua portuguesa, bem como o possível diálogo com outras literaturas e culturas estrangeiras, contemplando, assim as três áreas que integram a Cátedra Jorge de Sena para estudos luso-afro-brasileiros. Além da temática central de cada número, são aceitas contribuições para a Seniana, seção da revista destinada a publicações sobre a obra de Jorge de Sena. Incluem-se também na revista espaços para alguns textos fora da temática central, resenhas e entrevistas ligadas às três áreas que a compõem.

  • METAXY: Revista Brasileira de Cultura e Políticas em Direitos Humanos

    METAXY é uma revista semestral do Programa de Pós-graduação em Políticas Públicas em Direitos Humanos do NEPP-DH/UFRJ.

    A Revista busca articular diferentes linhas de pesquisa que destacam as reflexões sobre os distintos atores sociais, quer como forças de criação de direitos quer como forças de produção de conhecimentos.

    Tem uma perspectiva editorial que articula teoria e prática na relação com as ações e políticas de Estado no campo dos direitos humanos.

  • Mulemba

    Mulemba é uma revista do Programa de Pós-Graduação em Letras Vernáculas, da área de Literaturas Portuguesa e Africanas e pauta-se pela intenção de divulgar a produção das Literaturas Africanas de Língua Portuguesa.
     
  • Oecologia Australis

    Oecologia Australis (OA) é um periódico internacional revisado por pares e de acesso aberto. A OA promove a pesquisa internacional contínua e o intercâmbio de informações por meio da publicação dos relatórios de pesquisas/descobertas mais recentes em Ecologia e áreas afins.

    Nosso objetivo é divulgar e publicar resultados relevantes em Ciências Ecológicas. A OA aceita trabalhos em português, inglês e espanhol para serem publicados como Artigos Originais, Notas Científicas, Revisões e Opiniões.

    Publicamos quatro números por ano (março, junho, setembro e dezembro), um dos quais é um número temático composto por autores convidados e editado por editores convidados. Os restantes números são compostos por submissões espontâneas.

     

    Consulte nossos Arquivos para acessar ahead of print, o volume atual e os volumes anteriores.

     

    Damos boas vindas a novas submissões!

    Confira nossas Políticas Editoriais para saber mais sobre as políticas da revista e temas de interesse.

    Consulte nossas Diretrizes de Submissão para enviar um manuscrito.

     

    Siga a Oecologia Australis para acompanhar nosso conteúdo e ver prévias das publicações!

                  

  • Oikos

    A OIKOS - REVISTA DE ECONOMIA POLÍTICA INTERNACIONAL é uma revista quadrimestral do Programa de Pós-Graduação em Economia Política Internacional (PEPI) do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IE/UFRJ). A missão da OIKOS é estimular reflexões, pesquisas e debates originais sobre economia política internacional, desenvolvimento econômico e social, e integração latino-americana.

  • Paisagens Híbridas

    O número de abertura da Revista Paisagens Híbridas  formulou um dossiê cuja abordagem temática parece pouco convencional, na medida em que, afinal, demarcamos simbolicamente o nascimento de uma revista abordando uma temática antagônica ao advento do nascimento, relacionada à ideia de finitude, perecimento, extinção, perda, aniquilamento. Portanto, a morte foi o tema selecionado para que os ensaístas convidados pensassem inúmeras possibilidades capazes de refletir as relações, no cotidiano, de uma paisagem onde o fluxo e o pulsar da vida são alterados pela instalação do fim, enunciado pelo espectro da morte, de todas as coisas. Portanto, o leitor perceberá, no mosaico de textos que formam o número de abertura da nossa Revista, como as visões sobre vida e morte são amplamente moldadas pela trans-historicidade e trans-culturalidade, que operam um desenho dos cotidianos da paisagem marcado pela transversalidade que referenciam os olhares de um corpo social que ainda rejeita ou, no mínimo, têm limitações de compreender e elaborar o fim da existência da vida no mundo.
  • PHOÎNIX

    Phoînix é um periódico de publicação semestral do Laboratório de História Antiga (LHIA) do Instituto de História (IH) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O LHIA tem como objetivo divulgar as pesquisas em Antiguidade, realizadas no Brasil e no exterior. A Phoînix constitui-se num veículo privilegiado para atingir esse objetivo.

  • Policromias - Revista de Estudos do Discurso, Imagem e Som

    Policromias reúne trabalhos cujo objeto seja a materialidade discursiva da língua, da imagem e da sonoridade, integrando aspectos das linguagens verbal e não verbal, em diferentes áreas de produção simbólica, histórica e social do conhecimento humano.

  • Puericultura e Pediatria

    O jornal Puericultura e Pediatria é o periódico oficial do Instituto de Puericultura e Pediatria Martagão Gesteira da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IPPMG/UFRJ). Trata-se de jornal eletrônico semestral voltado para a divulgação de conhecimentos na área materno-infantil e na área de medicina do adolescente.

    Este periódico está aberto para a avaliação de trabalhos provenientes de outras unidades de ensino da Pediatria no país e no exterior. 

  • Revista Praia Vermelha

    A Revista Praia Vermelha é um periódico científico semestral com mais de vinte anos de existência na área do serviço social.

    Editado pelo Programa de Pós-graduação em Serviço Social da UFRJ, um dos mais renomados da área, o periódico permanece como uma das publicações mais conhecidas no campo do serviço social brasileiro. Em sua trajetória, a revista contribuiu com a disseminação de conhecimento sobre temas candentes de nossa sociedade.

    Dando continuidade a essa história tão importante, reestruturamos a equipe editorial-científica permanente do periódico e adotamos uma política de submissões de artigos continuamente aberta, com eventuais dossiês temáticos. Assim, convidamos autores e autoras a submeterem seus artigos para nossa apreciação.

    A Revista Praia Vermelha recebe textos que contenham análises baseadas em pesquisas originais no campo das políticas públicas, políticas sociais, serviço social e teoria social.

    Andrea Moraes
    Editora-chefe

  • Práticas em Gestão Pública Universitária

    A Revista PGPU é um periódico eletrônico semestral, de acesso livre e irrestrito, que visa à divulgação de análises, reflexões e resultados de trabalhos - voltados para a área da Gestão Pública Universitária - de técnicos administrativos em educação (ativos e aposentados), gestores, pesquisadores, docentes, discentes e trabalhadores terceirizados das instituições públicas de ensino superior de todo o país, priorizando a publicação de trabalhos escritos por técnicos administrativos ou que contenham técnicos entre seus autores.

    É editado pela Pró-Reitoria de Pessoal (PR4) em conjunto com o Fórum de Ciência e Cultura (FCC) da UFRJ.

     Todos os textos recebidos podem levar até no máximo 06 meses, após a submissão, para entrar em avaliação.

  • Recorde: Revista de História do Esporte

    Recorde: Revista de História do Esporte é uma revista científica editada pelo “Sport”: Laboratório de História do Esporte e do Lazer (Programa de Pós-Graduação em História Comparada/IH/UFRJ). Publica artigos que se debruçam sobre as práticas corporais institucionalizadas (esporte, educação física, dança, ginástica, capoeira, entre outras), bem como sobre as atividades de diversão/lazer, desde o ponto de vista das ciências humanas e sociais, especialmente da História.
  • Reoriente: estudos sobre marxismo, dependência e sistemas-mundo

    Revista do Laboratório de Estudos sobre Hegemonia e Contra-Hegemonia, associado ao Instituto de Relações Internacionais e Defesa (IRID) e ao Programa de Pòs-Graduação em Economia Política Internacional (PEPI), ambos da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

    Área Principal: Relações Internacionais

    Objetivo: estudos sobre marxismo, dependência, sistemas-mundo, decolonialidade e desenvolvimento

    Periodicidade: semestral

    Publicação: artigos, resenhas, homenagens e entrevistas

    ISSN: 2764-104X

  • Revista Interinstitucional Brasileira de Terapia Ocupacional - REVISBRATO

    A REVISBRATO - Revista Interinstitucional Brasileira de Terapia Ocupacional (ISSN eletrônico 2526-3544) é um periódico científico trimestral, que visa trabalhar no desenvolvimento e divulgação de pesquisas em diversas áreas da Terapia Ocupacional, especificas e correlatas, assim como, na ampliação do diálogo inter e transdiciplinar no âmbito nacional e internacional.

    A REVISBRATO aceita artigos em português, inglês e espanhol produzidos por terapeutas ocupacionais, docentes, pesquisadores, estudantes, gestores e público relacionado.

    Foi criada em 2013 por docentes dos departamentos de Terapia Ocupacional de cinco grandes Universidades Federais do Brasil, sendo cada uma de uma região diferente do país. São elas: Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Universidade de Brasília (UnB), Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e da Universidade Federal do Pará (UFPA). Em 2016 estas Universidades Federais se reuniram para a construção de um projeto interinstitucional, com o objetivo de contribuir no desenvolvimento técnico-científico da Terapia Ocupacional, em sua pluralidade regional. 

    Teve seu primeiro número publicado em 2017, e desde então permanece com publicações trimestrais ininterruptas. 

  • Redescrições

    Revista Redescrições - Revista on-line do GT de pragmatismo e Filosofia Norte-Americana (ISSN: 1984-7157) é uma publicação quadrimestral do GT-Pragmatismo e  Filosofia Americana da Anpof. O conteúdo dos artigos publicados trata de temáticas relacionadas ao pragmatismo, à filosofia americana de uma maneira geral, ou uma aplicação do método de investigação pragmatista a questões contemporâneas.
  • Revista Brasileira de Música

    Fundada em 1934, a Revista Brasileira de Música é reconhecida hoje como o primeiro periódico acadêmico-científico de música do Brasil. Ao longo de suas mais de oito décadas de existência, tem fomentado a produção e a disseminação do conhecimento científico e artístico no campo da música, em diálogo com áreas afins, através da publicação de artigos completos, entrevistas, resenhas, informes e partituras. A Revista Brasileira de Música apresenta pesquisas originais refletindo o estado atual de conhecimento na área, atendendo a um espectro diversificado de leitores: de estudantes e pesquisadores da área a educadores, historiadores, antropólogos, sociólogos e estudiosos da cultura em geral. Publicação do Programa de Pós-Graduação em Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro, a Revista Brasileira de Música veicula textos em português, inglês e espanhol. Em versão eletrônica de acesso gratuito, com periodicidade semestral, de circulação nacional e internacional, a revista está indexada nas bases RILM Abstracts of Music Literature e The Music Index-EBSCO. Em avaliação do Qualis Periódicos (2017-2021), a Revista Brasileira de Música foi classificada no estrato A3. A partir de 2020, identificadores DOI serão atribuídos a todos os trabalhos aceitos para publicação.

  • Revista Conhecimento em Ação

    A Revista Conhecimento em Ação (RCA) é um periódico científico de acesso aberto – vinculado ao Departamento de Biblioteconomia da Faculdade de Administração e Ciências Contábeis (FACC) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

  • Revista Contemporânea de Educação

    A Revista Contemporânea de Educação (RCE), criada em 2006, é uma iniciativa da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Sua periodicidade é quadrimestral e editada em formato eletrônico.

    Os objetivos da RCE são:

    a) divulgar a produção acadêmica sobre temas de interesse para a pesquisa em educação;

    b) propiciar debates em torno de questões ligadas à conjuntura educacional no Brasil e no exterior.

    Este periódico destina-se especialmente aos profissionais ligados à educação e às áreas das ciências humanas e sociais.

     

    Qualis Capes: A4 (2017-2020)

  • Revista de História Comparada

    A Revista de História Comparada é um periódico publicado semestralmente pelo Programa de Pós-Graduação em História Comparada (PPGHC) do Instituto de História da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Aceita, em fluxo contínuo, artigos cujo teor envolva um campo de experimentação em história comparada. A Revista se caracteriza por ser um espaço de publicação dedicado a:

    1) Demonstrar a originalidade e a singularidade das abordagens comparativas nos diversos modelos metodológicos possíveis;

    2) Estabelecer um lugar de diálogo de historiadores com os demais saberes;

    3) Garantir a diversidade e a qualidade científica, sendo por excelência um campo de experimentação comparada dos resultados de pesquisa, aberta a críticas e sugestões.

  • Revista do CFCH

    A criação de uma revista acadêmica do Centro de Filosofia e Ciências Sociais (CFCH) da Universidade Federal do Rio de Janeiro configura-se como mais uma estratégia para promover a integração entre suas diversas unidades - Colégio de Aplicação, Escola de Comunicação, Escola de Serviço Social, Faculdade de Educação, Instituto de Filosofia e Ciências, Instituto de Psicologia e Núcleo de Estudos e Políticas Públicas em Direitos Humanos. Concebida como um espaço de acolhimento e divulgação da produção acadêmica de nossa Universidade, bem como de diálogo com outros centros de saber e com a sociedade em geral, a Revista do CFCH sai do prelo com o mesmo espírito crítico, coletivo e comunitário que marca a gestão da Decania nos últimos anos.
  • Revista Jurídica

    A Revista Jurídica era um periódico, arbitrado, de circulação nacional e internacional, dirigido a advogados, juristas, magistrados e profissionais de áreas afins, professores, pesquisadores e técnicos das áreas jurídicas. A revista era um instrumento de divulgação e de disseminação de produções atuais e relevantes do ensino, da pesquisa e da extensão, no âmbito do Direito e de suas áreas afins, por meio da publicação de artigos, ensaios teóricos, pesquisas científicas, resenhas de livros, comunicações e relatórios de pesquisas científicas, visando a contribuir para a consolidação da pesquisa em Direito.
  • Revista Matéria

    Divulgar a área de Ciência e Engenharia de Materiais através da publicação de artigos científicos sobre temas variados desta área do conhecimento, facilitando o intercâmbio e o trabalho conjunto de profissionais e estudantes.
  • Seiscentos

    A Seiscentos constitui um espaço destinado à publicação de pesquisas sobre filósofas e filósofos seiscentistas bem como de interpretações contemporâneas versando sobre este período da filosofia.
  • SLOVO - Revista de Estudos em Eslaví­stica

    A SLOVO - Revista de Estudos em Eslavística é fruto de uma iniciativa do SLAV - Núcleo de Estudos em Eslavística, sediado na Faculdade de Letras da Universidade Federal do Rio de Janeiro. 

    Criada em 2018, acolhe trabalhos nos mais diversos campos dos estudos eslavos (incluindo-se as areas de Letras e Artes e Humanidades em geral). 

    Recentemente, foi avaliada com no QUALIS CAPES como um periódico B3 (2022).

    Seu ISSN é 2595-2760

     

     

  • Sociedade, Contabilidade e Gestão

    A revista Sociedade, Contabilidade e Gestão (SCG) mantém seu compromisso e seus esforços editoriais para servir de instrumento indispensável à disseminação de conhecimento produzido por pesquisadores, professores, gestores e atores sociais e políticos comprometidos com o desenvolvimento de temas de contabilidade e gestão que sejam relevantes para a sociedade.

  • Sul Global

    A Sul Global é uma publicação quadrimestral do Instituto de Relações Internacionais e Defesa da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IRID/UFRJ) dedicada a estudos acadêmicos relevantes e originais em Relações Internacionais, Estudos de Defesa e Ciência Política prioritariamente, mas aberta a todos os temas e áreas com implicações políticas, sociais, culturais, econômicas e estratégicas para o Sul Global.  São publicados textos em português, espanhol e inglês, e aceitas submissões de artigos de pesquisa, resenhas temáticas e resenhas de livros, além de propostas para edições especiais. 

  • Terceira Margem

    Revista Terceira Margem é uma publicação quadrimestral (a partir de 2019) do Programa de Pós-graduação em Ciência da Literatura da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Divulga pesquisas nas áreas de Teoria Literária, Literatura Comparada e Poética, voltadas para literaturas de língua portuguesa e línguas estrangeiras, clássicas e modernas, contemplando suas relações com filosofia, história, artes visuais, artes dramáticas, cultura popular e ciências sociais. Também se propõe a publicar resenhas críticas, para avaliação de publicações recentes. Buscando sempre novos caminhos teóricos, Terceira margem segue fiel ao título roseano, à inspiração de um pensamento interdisciplinar, híbrido, que assinale superações de dicotomias em busca de convivências plurívocas capazes de fazer diferença.

  • Teoria Jurídica Contemporânea

    TEORIA JURÍDICA CONTEMPORÂNEA é um periódico do Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Sua missão é incentivar o intercâmbio de pesquisas contemporâneas e interdisciplinares na área de Teoria Jurídica entre acadêmicos do Brasil e do exterior. A revista publica os textos recebidos de forma contínua, em um volume anual com um ou mais dossiê(s) temático(s), em formato exclusivamente digital. Sua linha editorial está orientada para a Teoria Jurídica Contemporânea, e desdobra-se nas seguintes temáticas: Sociedade, Direitos Humanos e Arte; Teorias da Decisão, Argumentação e Justiça; Democracia, Instituições e Desenhos Institucionais. Nenhuma abordagem teórica em particular é privilegiada. O periódico compõe-se de três seções: uma Seção Geral de artigos científicos recebidos em sistema de fluxo contínuo; um ou mais Dossiê(s) Temático(s) de artigos científicos recebidos em sistema de chamada pública sob a responsabilidade de Editor(es) Convidado(s); e uma Seção Extra dedicada à publicação de resenhas, traduções, entrevistas e comentários de jurisprudência. Excepcionalmente, artigos de autores convidados podem ser publicados na Seção Geral e Dossiê Temático.

  • TRÁGICA: Estudos de Filosofia da Imanência

    Revista Trágica: estudos de filosofia da imanência, criada em 2008, é o periódico científico oficial do Grupo de Pesquisa “Spinoza & Nietzsche de Estudos de Filosofia da Imanência” (SpiN) do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (PPGF-UFRJ), do Grupo de Pesquisa “Deleuze: Filosofia Prática” do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal Fluminense (PFI-UFF), e do Grupo de Pesquisa “Humanismo” do Programa de Pós-Graduação em Filosofia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (PPGFIL-UFRRJ), de periodicidade quadrimestral, classificada no sistema Qualis Capes como A3.

    ISSN 1982-5870