AFINAL, O QUE É EDUCAÇÃO INTEGRAL?

Simone Freire Paes Pestana

Resumo


O que é Educação Integral? Eis uma pergunta que não se responde fácil e prontamente. Pode-se dizer, como princípio de explicação, que Educação Integral é um ato de educar voltado para a integralidade da formação do sujeito, o que nos remete em última instância a outra embaraçosa e infalível pergunta: nesse sentido, toda educação não deveria ser integral? Visando compreender a complexidade que envolve essa categoria de análise, pretendemos realizar uma revisão bibliográfica sobre os estudos que se dedicaram a investigá-la, identificando possíveis ambiguidades e estereótipos que a cercam. Para tanto, primeiramente construímos um panorama que contempla estudos sobre a educação integral, realizando um apanhado de sua constituição histórica e de sua consolidação como política pública, no Brasil.


Palavras-chave


Educação integral, História da educação, políticas educacionais de tempo integral

Texto completo:

PDF

Referências


ALGEBAILE, E. Escola pública e pobreza no Brasil: a ampliação para menos. Rio de Janeiro: Lamparina, 2009.

BOMENY, H. A escola no Brasil de Darcy Ribeiro. Em Aberto, Brasília, DF, v. 22, n. 80, p.109-120, abr. 2009.

BRASIL. Ministério da Educação.Portaria Normativa Interministerial n° 17.Brasília, DF, 2007.

CARVALHO, M. C. B. O lugar da educação integral na política social. Cenpec, São Paulo,n.02, p. 7-11, 2006.

CAVALIERE, A. M. Tempo de escola e qualidade na educação pública. Educação & Sociedade, Campinas, SP, v. 28, n. 100, p. 1015-1035, out. 2007.




DOI: https://doi.org/10.20500/rce.v9i17.1713

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



         


RCE, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. ISSN 1809-5747

Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.