Chamada para v. 16, n. 3 Comemorativo, 2020

Revista Linguítica, v. 16, número 3 (Comemorativo), 2020

Tema: 
Pesquisas sobre línguas de sinais: uma contribuição à luz dos 25 anos de “Por uma gramática de línguas de sinais”

Prazo para submissão: até 31 de julho de 2020
Publicação prevista para final de dezembro de 2020

Organização: Marília Uchôa Cavalcanti Lott de Moraes Costa (UFRJ), Andrew Nevins (UFRJ), Anderson Almeida da Silva (UFDPAR)

Esta edição da Revista Linguítica será dedicada aos estudos de línguas de sinais. Ao olharmos a literatura sobre a língua de sinais brasileira – Libras, em especial sobre descrição linguística, uma delas se destaca por seu caráter seminal e pervasivo. Este livro é “Por uma Gramática de Língua de Sinais” de Lucinda Ferreira de Brito publicado em 1995. Algumas publicações mais recentes trazem contribuições importantes, mas as intuições apresentadas em Ferreira (1995) ainda são atuais e acertadas. Ao completar 25 anos, a obra que não é mais reimpressa deve ser celebrada pela amplitude de temas e descrição. Dentro desse escopo, receberemos contribuições para este volume nas áreas de descrição linguística, experimentação linguística (psicolinguística ou neurolinguística), a sociolinguística,  a linguística de corpora, entre outras, desde que haja diálogo com as línguas de sinais ou a população surda. O objetivo desta edição é articular a discussão corrente com o que foi produzido no trabalho seminal de uma das primeiras linguistas que estudou línguas de sinais brasileiras. Assim, teremos um panorama da pesquisa realizada com as línguas de sinais e os avanços e entraves desde o pioneirismo de Lucinda Ferreira.

Convidamos contribuições de estudos que foquem nas diferentes áreas da linguística e perspectivas teóricas com dados de línguas de sinais.

Tópicos sugeridos (lista de sugestões não exaustiva)
1. Estudos explorando descrição de linguagem sincrônica ou diacrônica
2. Estudos teóricos sobre universais linguísticos, questões de modalidade entre outros
3. Estudos experimentais: psicolinguística ou neurolinguística
4. Estudos Sociolinguísticos
5. Estudos Etnográficos
6. Trabalho de campo
7. Estudos sobre aquisição de linguagem e aprendizagem de línguas
8. Aquisição de linguagem tardia e precoce (impacto da idade de aquisição de linguagem)
9. Processamento linguístico multimodal