Instruções de viagem a Europa ao primeiro pensionista da Academia Imperial de Belas Artes

Paola Matheus dos Santos, Beatriz Dias Mikhail

Resumo


O objetivo deste trabalho é apresentar as Instruções de Viagem recebidas por Antônio Baptista da Rocha, aluno de arquitetura da Academia Imperial de Belas Artes, ganhador do primeiro Prêmio de Viagem à Itália em 1845.


Palavras-chave


Academia Imperial de Belas Artes. Prêmio de Viagem. Arquitetura. História da Arte. Filologia. Paleografia.

Texto completo:

PDF

Referências


CAVALCANTI, A. M. T. Os Prêmios de Viagem da Academia em Pintura. In: PEREIRA, Sonia Gomes (Org.). 185 anos da Escola de Belas Artes. Rio de Janeiro: UFRJ, 2001/2002, p. 69-92.

FERNANDES, C. V. N. Os caminhos da arte. O ensino artístico na Academia Imperial das Belas Artes – 1850/1890. Tese de Doutorado - IFCS/UFRJ, Rio de Janeiro, 2001.

PEREIRA, S. G. Arte, ensino e academia: estudos e ensaios sobre a Academia de Belas Artes do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Mauad Faperj, 2016.

PEREIRA, S. G. A tradição artística e os envios dos pensionistas da Academia Imperial de Belas Artes do Rio de Janeiro. In: VALLE, Arthur; DAZZI, Camila. Oitocentos: Arte Brasileira do Império à República. Rio de Janeiro, Tomo 2, 2010. p. 617 – 638.

ROCHA-PEIXOTO, G. Arquitetos do Brasil imperial: a obra arquitetônica dos primeiros alunos da Academia Imperial de Belas Artes. Tese de Doutorado - IFCS/UFRJ, Rio de Janeiro, 2004.




DOI: https://doi.org/10.24206/lh.v6i2.40556

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Paola Matheus dos Santos, Beatriz Dias Mikhail

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Licença Creative Commons

LaborHistórico | ISSN 2359-6910

A Revista LaborHistórico da Universidade Federal do Rio de Janeiro está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.