INFLUÊNCIA DA FADIGA DOS MÚSCULOS DO MANGUITO ROTADOR NA ATIVAÇÃO E NA TAXA DE DISPARO DOS MÚSCULOS DO CORE

SBTM CBRM

Resumo


Morgana Martins de Toni

Mariane Menegazzi

Marcia Cristina Gomes Costa

Ketlyn Germann Hendler

Marisa de Cássia Registro Fonseca

Heloyse Uliam Kuriki

Rafael Inácio Barbosa

Alexandre Marcio Marcolino

Introdução: Os músculos responsáveis pelo controle e pela estabilização entre tronco e os membros superiores e inferiores são conhecidos como músculos do core. Portanto, a estabilidade do tronco está diretamente relacionada com o desempenho, produção de força e mobilidade das extremidades como: correr, chutar e arremessar. Objetivo: Investigar a influência da fadiga dos músculos do manguito rotador na ativação dos músculos do core. Métodos: Estudo transversal de mensuração clínica, aprovado parecer 1.619.689.  Foram avaliados 23 indivíduos, de ambos os sexos, com idade média de 21,5 anos, saudáveis e sem histórico de lesão em membros superiores ou coluna, que passaram pela avaliação eletromiográfica dos músculos transverso do abdômen/obliquo interno e múltifidos, durante o teste de cadeia cinética fechada do membro superior, antes e após um protocolo de fadiga que consistia na realização de rotação interna e rotação externa, repetidas vezes, com o equipamento Magic Circle, associado ao uso de um metrônomo com frequência de 50 batimentos por minuto. Resultados: As mulheres necessitam de menor tempo e número de repetições para levar o músculo à fadiga. Quando comparada a frequência mediana antes e após a fadiga muscular nas mulheres, houve a diminuição da mesma, com sugestivo de fadiga muscular. Ao analisar o comportamento muscular nos homens, encontramos também a interação da fadiga dos músculos do manguito rotador, com os músculos do core, porém de maneira diferente das mulheres, aumentando a frequência mediana dos músculos multífido esquerdo e transverso do abdomên/oblíquo interno direito. Conclusão: Entretanto, não houve diferença significativa entre os resultados obtidos.


Palavras-chave


Fadiga muscular, Manguito Rotador, EMG.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Interinstitucional Brasileira de Terapia Ocupacional - REVISBRATO

Revista Interinstitucional Brasileira de Terapia Ocupacional - REVISBRATO
Departamento de Terapia Ocupacional - Faculdade de Medicina - UFRJ
Prédio do CCS - Bloco K, Sala 17
Rua Prof. Rodolpho Paulo Rocco, s/n - Cidade Universitária - Ilha do Fundão - Rio de Janeiro – RJ, Brasil. CEP: 21910-590
Tel: 55 (21) 3938-6506

Contato: revisbrato@gmail.com